BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

sábado, 10 de outubro de 2009

Horas Tardias

 
Nas horas tardias
Da noite do meu sofrer
Vejo sombras fugidias
Filmes do meu viver

A lua da minha vida
É uma pálida chama
Desta vida tão perdida
Que por felicidade clama

Minha pálida imagem
Desfez-se na neblina
Sou uma miragem
Que no escuro caminha

Lua vem alumiar
A escuridão da minha vida
Para por fim encontrar
Aquela que anda perdida

2 comentários:

  1. As horas podem ser tardias, mas nunca será tarde. O teu sorriso ilumina teu caminho e
    a viagem continua..
    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Ricardo
    Sempre lindas palavras, obridada

    Bjs

    ResponderEliminar

Amigos são velas acesas ao fundo da escuridão
alumiando o caminhode volta...a presença doce e
serena numa noite de tempestade...são o abraço
suave da vida...palavras ditas muitas vezes em
silêncio aquecendo a alma e o coração.

Um beijinho carinhoso a todos que por aqui passam.
Sonhadora