BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

domingo, 1 de novembro de 2009

Não te quero






 
 
Solidão eu não te quero
Porque vens...se me fazes mal
Não te quero...mas te espero
No dia...na noite e no luar

Não te quero...não és amada
Cansa-me estares sempre a meu lado
Vens na noite...vais na madrugada
Não te quero...fica no passado

Vejo-te nos meus olhos tristes
Que por ti, não mais choram
Não me matas...não existes
Deixa-me...eu te imploro

Invoco-te nos meus sonhos
A tua imagem está gravada em mim
Nos teus braços eu deponho
Esta solidão que não tem fim






14 comentários:

  1. WOW hermoso..

    Me gustó mucho..

    Un beso

    Un abrazo
    Saludos fraternos..

    ResponderEliminar
  2. A solidão é a mâe de todos os males!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Lindo este poema.
    Um beijo e bom fim de semana
    maria

    ResponderEliminar
  4. Sonhadora.
    A maneira que escreves se encaixa na vida de muitas pessoas quase que de forma universal..O problema é poucas admitem e não condeno ninguém por isso...Realmente não é fácil encarar essa realidade tão crua..Não são muitos que têm a coragem que expressas em teus versos..É difícil falar de coisas tão doloridas e tão sinceramente.. Te admiro..
    Beijos..

    ResponderEliminar
  5. Lindos versos, Rosa-Flor!
    Aliás estão cada vez mais bonitos, cada vez mais sentidos. Recebi de presente de aniversário livro do Sá-Carneiro e também de uma brasileira maravilhosa, considero uma de nossas maiores poetas, Cecília Meireles, vou te enviar alguns de seus versos, espero que gostes. bjs

    ResponderEliminar
  6. Frias pedras, negro basalto
    Sentinelas do receio à tempestade
    Testemunhas da viajem do tempo
    Cobertas de sal, guardiãs da verdade

    Mas, não há duas reais verdades
    Não há rios que correm para o alto
    Não há amor num coração que mente
    Não há ternura sem viver o momento


    Vem viver a minha cidade inventada


    Doce beijo

    ResponderEliminar
  7. Adolfo
    Como sempre gentil, obrigada
    Um beijo
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  8. Vieira Calado
    Obrigada pela visita
    Palavras sábias
    um abraço
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  9. Maria
    Obrigada pela visita e simpatia
    Um beijo
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  10. Ricardo
    As tuas palavras,sempre certas.
    Não tenho vergonha de sonhar e de querer,embora saiba que não posso ter.
    Um beijo
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  11. Cynthia
    Em primeiro lugar, parabéns pelo aniversário, muita felicidade, é o meu desejo.
    Mário de Sá Carneiro era um poeta maravilhoso,viveu foi pouco.
    Cecilia Meireles, adoro a poesia dela.
    Obrigada pelas tuas palavras, que me envaidessem.
    Beijos

    ResponderEliminar
  12. Profeta
    Lindo poema.
    A tua cidade encantada é maravilhosa, todos deviamos poder viver nela...mas é inventada.
    Obrigada pela visita.
    Beijos
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  13. Querida amiga
    A solidão é inerente a todos nós. Temos que saber lidar com ela. Podes crer que sei do que falo.

    Triste, mas belo poema.

    Beijinho

    Mário

    ResponderEliminar
  14. Mário
    Sempre palavras de alento.Obrigada
    Beijo

    ResponderEliminar

Amigos são velas acesas ao fundo da escuridão
alumiando o caminhode volta...a presença doce e
serena numa noite de tempestade...são o abraço
suave da vida...palavras ditas muitas vezes em
silêncio aquecendo a alma e o coração.

Um beijinho carinhoso a todos que por aqui passam.
Sonhadora