BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Entrego-te a minha agonia...



Entrego-te a minha agonia...o fogo do meu corpo de ternura
O vendaval das minhas mãos de ti vazias e sedentas de amor
Entrego-te a minha escura sombra que no limbo te procura
Tão vazia de estar...tão perdida de ser...tão envolta na dor

Entrego-te os doces poentes que um dia me afagaram o olhar
O naufrágio dos meus sonhos...cais onde meu corpo adormeceu
Nesta cama de sargaços onde o vento vem docemente beijar
Esse corpo resignado...pensando que ainda vive e já morreu

Entrego-te o céu anoitecido dos meus olhos prenhes de mágoa
O afago dos meus braços tão vazios...clamando o calor dos teus
Entrego-te este rosto entardecido...onde dolente cai uma lágrima
No regaço frio do amor onde dormem meus malogrados anseios

Entrego-te o silêncio do meu grito e as algemas do meu ser
O perfume que perdi no tempo e as rosas de amor orvalhadas
Entrego-te meu amor...o meu frio corpo tão cansado de viver
No manto negro da noite deixo-te a minha alma amortalhada

Entrego-te o abismo dos meu passos...o meu riso e o meu pranto
Deixo-te a primavera que fui...cheirando a terra quente e alecrim
Deixo-te a efémera beleza...deste rosto cinzelado de negro manto
Deixo-te este corpo amordaçado e a ternura do amor que despi

Entrego-te o silêncio dos gemidos do meu leito de amor vazio
Na sepultura de todas as ilusões...na pedra fria da indiferença
Deste fogo consumido por esse amor entristecido que jaz frio
Nos lençóis desfeitos de renúncia onde adormeceu a ausência



142 comentários:

  1. Mas pode acordar a presença, deixa que te brilhe na pele!

    lindo...


    beijo beijo

    ResponderEliminar
  2. Vim agradecer a sua encantadora visita e te deixar meu abraço. Hoje estou assoberbada de trabalho. Volto depois com mais calma. Uma beijoka com meu carinho
    Gracita

    ResponderEliminar
  3. No fundo a vida é uma entrega e um deixar.Beijos.

    ResponderEliminar
  4. minha querida..
    a solidão grita nos teus versos..
    sempre de emocionar..
    beijos de carinho.

    ResponderEliminar
  5. Impregnados pela tristeza e da solidão,a beleza de seus versos extraidos de alma e coração alado.Linda construção minha amiga nesta louca entrega.Meus aplausos pela arte tão bela.
    Meu carinhoso abraço de paz e luz.
    Beijo amiga.

    ResponderEliminar
  6. Sempre muito romantismo por aqui. Algo de bom e de belo.

    bjsMeus
    Catita

    ResponderEliminar
  7. oi minha amiga,

    você tem a delicadeza de vestir a solidão,
    com a mais linda roupa de festa...
    adoro!!!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  8. oi minha amiga,

    você tem a delicadeza de vestir a solidão,
    com a mais linda roupa de festa...
    adoro!!!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  9. ...solitária, mas não
    totalmente só.

    tens a poesia como a melhor
    companhia..

    bjs, rainha flor!

    Vivi

    ResponderEliminar
  10. Oi Rosa! Passando para agradecer a honra da tua visita e teu amável comentário, bem como apreciar um belo poema, com ênfase para a estrofe abaixo:

    Entrego-te o silêncio do meu grito e as algemas do meu ser
    O perfume que perdi no tempo e as rosas de amor orvalhadas
    Entrego-te meu amor...o meu frio corpo tão cansado de viver
    No manto negro da noite deixo-te a minha alma amortalhada

    Beijos,

    Furtado.

    ResponderEliminar
  11. ...vim te ler, e deixar
    beijos nesta alma
    de encanto!

    smacksssssssssss, lindeza!

    ResponderEliminar
  12. OI ROSA MARIA!
    UMA ENTREGA TÃO SOFRIDA QUE CHEGA A DOER, ENTREGA DE CORPO E ALMA...
    ABRÇS
    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderEliminar
  13. Oi Sonhadora Rosa
    Saudade de vir te ler, gosto dessa cor quente que encontro aqui, dos poemas sempre envolventes.
    ...' esse naufrágio de sonhos' é demais! não podemos afogá-lo.
    Vamos reagir rs
    um grande abraço

    ResponderEliminar
  14. SIEMPRE ME IMPACTAN SUS PENSAMIENTOS.
    BESOS

    ResponderEliminar
  15. Olá!Bom dia!
    Querida Rosa...
    penso que o segredo está em saber que a entrega e o deixar só acontece quando se entende por completo o amor ...a renúncia também faz parte...
    Obrigado pelo carinho da visita!
    Boa quarta feira!
    Beijos

    ResponderEliminar
  16. Nunca estamos sós se a saudade dorme a nosso lado.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  17. Incrível a tua capacidade de nos envolver com as palavras lindas! beijos,chica

    ResponderEliminar
  18. A vida não pode ser só de entregas.....também é bom receber em certas ocasiões..
    Beijo

    ResponderEliminar
  19. O grito da tua Poesia chega ao meu coração e...guardo-o nele com muito
    carinho.
    Beijo.
    isa.

    ResponderEliminar
  20. só quem ama verdadeiramente consegue entregar-se dessa maneira..

    bjs.Sol

    ResponderEliminar
  21. Por isso, ás vezes penso que amor e solidão, andam de mãos dadas...
    Lindos versos!!

    Lindo dia pra você!!
    Beijinhos!!♥

    ResponderEliminar
  22. Gostei mesmo do seu blog!
    Abraços desde Argentina.
    HD

    ResponderEliminar
  23. Entrega total num silêncio sentido., minha querida amiga Rosa Solidão.Como sempre fico presa à beleza da tua poesia. Sublime.
    Beijinho amigo, uma flor e obrigada por nos deliciares com as tuas palavras num maravilhoso poema.

    ResponderEliminar
  24. Oi amiga! saudade deste teu canto tão maravilhoso...
    beijo

    ResponderEliminar
  25. Seu lindo poema
    De agonia, fogo e ternura
    Encontro em tarde serena
    Diz adeus à amargura!

    A flor que te perfuma
    O amor que te acarinha
    É belo enquanto dura
    Doloroso se espezinha!

    Obrigado pela sua visita
    Te agradeço do coração
    Rosa, linda florida
    Sonhadora, Rosa Maria, Solidão

    Boa quarta-feira para você,
    um beijinho
    Eduardo.







    ResponderEliminar
  26. É horrível assistir à agonia de uma esperança...

    Beijo meu.

    ResponderEliminar
  27. Mesmo numa entrega total, a luz da esperança deve estar sempre acesa...
    Beijos,
    Élys.

    ResponderEliminar
  28. Magistral esse poema, querida amiga Rosa. Parabéns! Beijos pra você e um carinho pra Luna!

    ResponderEliminar
  29. Querida, vá em busca de teus sonhos, não deixe adormecer esta sede de vida que rodeia e preenche os recantos da alma.
    Belo! Belíssimo poema de amor e dor.
    Brisas e flores para você. Bjs. Eloah

    ResponderEliminar
  30. Rosa Maria,
    Que entrega tão bela e tão pura. Na dor, no amor, no absoluto.
    Muito forte!

    ResponderEliminar
  31. Olá querida amiga Rosa, boa tarde! Agradeço suas amáveis visitas. Obrigada pelo carinho! Seu poema fez-me sentir um despir de alma,com palavras tão profundas... Beijos!!! Fernanda Oliveira

    ResponderEliminar
  32. Muita entrega Rosa, ainda ficas sem nada!

    Poema emocionante, amiga. Gosto quando entregas os silêncios dos teus gritos!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  33. Em doces entregas onde se mistura as saudades,leio como sempre um belo poema de amor,entrega e paixão.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  34. E aqui estive eu entregue à magia dos teus versos, embevecido pela chama da tua paixão.
    Fico triste mas vou feliz pela beleza que me envolve.
    Um beijo querida amiga-

    ResponderEliminar
  35. Rosa querida,

    Aqui você sempre entrega nas palavras a beleza da tua poesia.

    É um prazer vir te ler.

    beijos

    ResponderEliminar
  36. Momentos de tristeza que nos trazem belos e intenso versos em sentimentos....beijos amiga e uma bela noite pra ti...

    ResponderEliminar
  37. ...e entrego-te a minha enorme admiração por este vendaval de emoções feita de tão lindos poentes que são um convite ao teu silêncio mas também à tua paz mesmo nas noites que parecem abismos.
    É sempre uma novidade ler-te, acompanhar o trajeto dos teus entardeceres de alma!
    Grande abraço querida Rosa Mª.

    ResponderEliminar
  38. Querida amiga os teus versos sempre me emocionam!
    Bjs

    ResponderEliminar
  39. Se tudo, tudo me entregas
    Até as ausências de mim
    Quem hei-de eu procurar
    Quando tiver saudades de ti?

    ResponderEliminar
  40. Quando o amor é a entrega da alma,lindo poetizar de amor. Um abraço, Yayá.

    ResponderEliminar

  41. Querida Rosa,

    Difícil não se emocionar diante da triste solidão que envolve seus lindos versos.

    Adorei ler.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  42. Querida amiga

    Penso que esta entrega
    muitas vezes
    passa despercebida,
    por quem entrou
    em nossa vida,
    apagou as luzes
    e partiu
    como se nada
    houvesse acontecido.

    Que a sua vida seja sempre
    um tributo a esperança.

    ResponderEliminar
  43. Boa noite amiga querida !!!!
    É nos poemas que te realizas com a intensidade dos teus escritos que faz cada vez mais poemas encantadores ...
    Vindo aqui aproveito para te convidar para apoiar juntamente comigo o OUTUBRO ROSA,incentivando as pessoas conhecidas a fazer o exame de mama, prevenindo do câncer que é responsável por 52.680 novos casos no Brasil neste ano!Quero que você esteja junto comigo nesta luta,apoiando esta causa. Vamos a cada dia plantar esta ideia na cabeça das pessoas...EU, do blog FOLHAS DE OUTONO,agradeço todo o apoio E comentário deixado lá em prol da minha nova postagem.Peço que ao passar leve uma mensagem de positividade.

    ResponderEliminar
  44. «Entrego-te o silêncio do meu grito... o perfume e as rosas de amor...»
    É linda e intensa
    a sua poesia Rosinha,
    versos de dor e de amor
    inspirados nas cores da vida!
    Um beijinho amiga e bem-haja pelo seu carinho:) Boa e feliz semana!

    ResponderEliminar
  45. Boa Noite Madrinha Rosa.
    Lindo poema !!
    Nos lençóis desfeitos de renúncia onde adormeceu a ausência.
    Um verso forte que diz tudo no final de um amor.
    Um feliz final de semana madrinha querida espero estar tudo bem contigo
    beijos da afilhada,Evanir....

    ResponderEliminar
  46. Olá Sonhadora, bom dia !!

    Ao ler os teus poemas reconheço neles uma torrente de emoções , de profundidade e contínua inspiração. Sinto-me sempre sensibilizada ao lê-los.

    Que a sua quinta feira seja de alegrias e paz!

    Bjos da Lu...

    ResponderEliminar
  47. Oh, Rosa!
    Guerreira sobrevivente em tantos milhões de anos,
    Que possuis em suas pétalas a imagem cravada da cena de Afrodite entregando um botão ao seu filho Eros.
    Tornando a sua figura ainda mais divina,
    Oh,Rosa amada clareia minha alma de paixão,
    Incendeia o meu ser de gratidão,
    Desabrocha o elixir de suas pétalas "pincelando" o meu “eu” com seu encanto milenar,
    Oh,Rosa desenha uma nova silhueta do amor em
    minha alma, com seus botões perfumados de ardor,
    Oh,Rosa presenteia meu coração com seus afagos suaves transcendendo a minha vida para um jardim encantado,
    Fantasia a imensidão com fragmentos de sua emoção nas suas variadas facetas de coloração...
    Oh,Rosa dança no palco da minha vida, fazendo da mesma um eterno balé de corpos insaciavelmente famintos pela esperança de uma sintonia infinita.
    Oh,Rosa!

    ResponderEliminar
  48. Querida amiga, lindos e tristes versos. Beijocas

    ResponderEliminar
  49. A amargura, a solidão, a renúncia... doem. Mas você sabe traduzi-las com grande beleza e sensibilidade. Lindo! Bjs.

    ResponderEliminar
  50. Ó minha querida Rosinha
    Que solidão é a tua
    Que vives tão tristezinha
    com o que se passa na rua


    Minha querida e doce amiga, mesmo eu estando sempre tão em falta contigo, tu nunca deixas de me visitar.
    Ter uma amiga assim vale mais do que ter uma carteira cheia de dinheiro, porque as verdadeiras amizades não se compram nem se vendem...beijinhos de luz e muita paz e amor em teu coração.

    ResponderEliminar
  51. Poemas com alma, assim caracterizo os seus belos versos! Bjs

    ResponderEliminar
  52. Grito aconchegante que lava a alma. Grito de poesia. Belos versos, querida. Parabéns.



    Uma abençoada quinta-feira.
    Grande abraço.
    Tatiane.

    http://tatian-esalles.blogspot.com.br/

    Att.

    ResponderEliminar

  53. Embalado pela música, o poema pulsa.

    Um beijo

    ResponderEliminar
  54. Quanta beleza , embora triste , nesta entrega .

    Beijo grande , Rosa Maria ,
    Maria

    ResponderEliminar
  55. Entrega e retorno, dois lados da mesma moeda. Ora um, ora outro.
    Um grande bj querida amiga
    É sempre um prazer ler-te.

    ResponderEliminar
  56. As ruas "entregas" são o caminho natural de quem Ama... muito, sem limites.
    É só tocar a "corda" certa para criar o "som" esperado.
    Belíssimo.


    Beijos


    SOL

    ResponderEliminar
  57. Sonhadora amiga LinDOOOOOO!!! Foi um presente para meu retorno !!! Um beijo grande Pedro Pugliese

    ResponderEliminar
  58. Minha Rosa que amo, que partilho meu amor, minha dor, e meu sangue rubro como as páginas do teu blog! Estou cá em Lisboa a te esperar com o peito aberto e a sangrar.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  59. Entregas frias, dolorosas mas precisas para que o interior se encontre e se descubra em meio aos sentimentos perdidos..:)...

    Beijos minha querida

    ResponderEliminar
  60. Rosa,que encantadora poesia!Para ler e reler,ficou linda!bjs e meu carinho,

    ResponderEliminar
  61. Rosa, parabéns pela linda poesia. Ler-te é viajar nas palavras poéticas. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  62. Rosa

    Posso chamar ao teu belo poema, de prosa poética? Fiz uma esperiência, reli apressadamente, resultou maravilhosamente.
    Beijos

    ResponderEliminar
  63. Quando um amor se vai, seja por que motivo for, fica um vazio...uma ausência...um grito de dor. O amor é assim...como a vida...complexo e repleto de facetas. Há que viver e há que amar, apesar das dores; não há vida sem amor nem amor sem vida; os dois caminham juntos... entrelaçados, amando-se uns dias, outros porém se odiando. Beijinho, Rosa e parabéns pelo poema espectacular,como sempre.
    Emília

    ResponderEliminar
  64. Sonhadora querida!
    Mais um poema maravilhoso!
    Beijinhos com carinho!
    Eliane

    ResponderEliminar
  65. OI, Rosa. Que lindo! Tocando sempre nosso coração. Maravilhosa sensibilidade! Obrigada pela partilha e o prazer sempre da amável visita... Beijos!!

    ResponderEliminar
  66. Um belíssimo poema, aliás como todos que escreves.

    Que o silêncio jamais cale o teu sentir.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  67. Uma bonita entrega mesmo que vestida de solidão.

    Bjs

    ResponderEliminar

  68. Querida RosaSolidão

    Uma Entrega total e incondicional, de todos os momentos, do corpo e da alma.

    Um poema completo!

    Bom fim de semana.

    Bjos

    Olinda

    ResponderEliminar
  69. Bom dia! Versos tristes...
    mas profundos...
    abraços
    sinval

    ResponderEliminar
  70. Olá querida amiga,

    Entrego-te meu afago, belo poema!

    Bjos e um bom final de semana

    ResponderEliminar
  71. Entrega a agonia a tua ausência, conjugam bem uma com a outra...

    Um bj com um especial...

    Abraço-te

    ResponderEliminar
  72. Entregas, solidão, saudade, tudo isto Rosa faz parte da tua tristeza, da tua solidão que diminui com a presença dos teus poemas.
    Bom fim de semana querida

    Beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  73. Rosa Maria,
    Tus letras son preciosas, gracias por compartir.

    Un placer leerte, me gsuto muito

    obrigado
    besos, beijos doce
    feliz fim de semana

    ResponderEliminar
  74. Por muito que nos entreguemos...
    chega sempre um momento de um
    grande vazio...
    De uns lençóis desfeitos de renúncia
    onde adormeceu a ausência.
    A entrega vale apenas por esse
    momento...depois...sei lá o depois...
    pode ser "vários".
    Eu sei o que é a ausência e a
    renúncia...mas não a seu exprimir
    como a amiga.A amiga tem uma grande
    capacidade de expôr sentimentos em
    poesia, e eu admiro-a muito.
    Um grande beijinho
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  75. Um maravilhoso final de semana pra ti minha amiga,,,paz, flores e muitas poesias....beijos e beijos..

    ResponderEliminar
  76. E nós aqui, recebemos, toda a dor e doçura da tua poesia.
    Rosa, perdoe-me a ausência, mas tivemos probleminhas de saúde em família. Tá tudo bem agora!
    Final de semana bem gostoso, amiga!Bjssss

    ResponderEliminar

  77. Rosita
    A poesia e a sua tisteza..
    gostei mas fiquei melancólica
    beijos

    ResponderEliminar
  78. Por vezes deixamo-nos ir e entrega-mo-nos... E então, há alturas que o fogo nos consome e outras em que nos faz renascer!

    Beijos

    ResponderEliminar
  79. Boa noite artesão das letras, uma bela obra de amor, doces beijokas e um bom final de semana

    ResponderEliminar
  80. Senhora das quadras_ da ternura/do amor/da procura/da dor.....

    :)))

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  81. Rosa querida! Quanta inspiração, que desnuda-te a alma, inebria o coração e envolve e emociona totalmente a quem te lê...Lindo minha amiga apaixonada! Muito obrigada pelo carinho e pelo voto! Que o amor renovador e a Paz de Jesus Cristo
    habitem nossos corações sempre!
    Abençoado fim de semana!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  82. Bom dia minha querida !!!!!
    Sabias que senti falta de você no meu cantinho por esses dias,pois desejaria muito seu apoio,como mulher principalmente...desejaria incorporar todos os amigos na minha campanha...mas fico feliz de voltar aqui e reler teu poema do qual escreves sempre com a alma de uma grande poetisa...lindo demais!
    Amo ler tudo que sai da alma...
    bjssssssssssssss

    ResponderEliminar
  83. Bom dia minha querida !!!!!
    Sabias que senti falta de você no meu cantinho por esses dias,pois desejaria muito seu apoio,como mulher principalmente...desejaria incorporar todos os amigos na minha campanha...mas fico feliz de voltar aqui e reler teu poema do qual escreves sempre com a alma de uma grande poetisa...lindo demais!
    Amo ler tudo que sai da alma...
    bjssssssssssssss

    ResponderEliminar
  84. "A renuncia
    Onde adormeceu a ausência"...

    O silêncio
    O abismo
    E outra vez o silêncio...

    E depois as perdas e a dor...

    E quem assim escreve...morreu há muito e ficou apenas, para escrever
    as renuncias a que se submeteu.

    Lindos...Lindos...Lindos!

    Maria luísa

    ResponderEliminar
  85. Um lindo dia de sábado pra ti minha amiga...beijos.

    ResponderEliminar
  86. Querida Rosinha
    Não sabia que tinhas estado em Angola... Em que ano lá estiveste? Quem sabe não nos cruzamos por lá...

    Belíssimo poema, como sempre!

    Bom fim-de-semana. Beijinhos

    ResponderEliminar
  87. Olá querida Rosinha,

    São quase cem "km" para chegarmos, aqui, mas o importante é chegar.

    Tanta beleza, tanto murmúrio, tanta entrega, tanto sofrimento, tanto leito vazio (o que é uma pena), tanta dor e tanta ausência, que se deseja presença.

    A menina escreve LUXURIANTEMENTEEEEEEEEE!

    É a Dama da Noite, a Dama da Poesia Sofrida.
    Um dia destes vou "plagiá-la". Vamos ver o que acontece. E a menina faz o mesmo em relação a mim. Está combinado? E depois, açorda ou ensopado?

    Claro que estas conversas são pra se terem por e-mail, mas eu sou do latifúndio, a terra é toda minha, não tenho limites.

    Que magnífico cabeçalho, como já lhe disse. Era o tempo dos lilases, das rosas que estavam abrindo (já usei o nosso gerúndio), das quuimeras e onde o sol adormecia, em primavera.

    Quero-a com luz. Gostaria, tanto!

    Beijos da Luz, com carinho.

    ResponderEliminar
  88. Esta solidão que dói e de tanto doer te faz compositora de grandes poemas, sentidos na mais profunda sensibilidade, minha amiga!!
    Abraços e meu carinho por ti...

    ResponderEliminar
  89. Feliz dia do poeta. Tu és a minha poetisa preferida. Tu consegues transformar sentimentos doloridos em uma linda poesia. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  90. Sempre estou lendo teus
    versos
    saiba que você é minha
    poeta
    estou sempre aqui
    mesmo que você não
    me perceba
    sou viciado nos teus poemas
    as vezes
    não comento
    porque sou péssimo
    comentador
    um grande crítico
    meu amigo diz
    que quero ser mais que os
    poetas que comento
    mas na verdade nem poeta
    sou
    sou apenas um pobre poeta
    brincando com as estrelas
    e lendo teus poemas
    de pura solidão
    e outros que sei
    que você escreve muito
    bem
    feliz dia da poeta
    seja feliz

    Luiz Alfredo - poeta

    ResponderEliminar
  91. Para além da dor e sofrimento eu percebo uma pessoa doce que se entrega por inteira.

    Sempre belos seus poemas, Rosa.

    Beijinhos e bom domingo.

    ResponderEliminar
  92. Belo poema, mas fica em mim a inquietação de tanta entrega...

    ResponderEliminar
  93. Até quando te entregas as coisas dolorosas e a quase solidão, tuas mãos estão cheias de belezas, não falta encanto em ti Rosa.

    ResponderEliminar
  94. .•*♥.·´✿.·´✿╰☆╮a.·´✿╭დ╯
    Bom dia de um lindo domingo
    Passando para te elogiar o que
    faz, e tem de bom deixo um abraço
    carinhoso e parabéns pelo belo poema
    Bjusssss
    Rita!!!!

    .•*♥.·´✿.·´✿╰☆╮a.·´✿╭დ╯

    ResponderEliminar
  95. Um Poema muito bonito e uma linda canção !

    ResponderEliminar
  96. Passando pra deixar um abraço desejar boa semana

    ResponderEliminar
  97. Minha preciosa amiga e poetiza ,fica aqui a solidariedade corrente de uma mulher que aprecia a tua dor a que inspira tu com belíssimas letras brilhantes..

    Tenhas sempre meu apoio e carinho..

    Um grande beijo no coração amiga

    Desde Brasil

    ResponderEliminar
  98. Olá queridona!
    Quantas saudades!
    Depois de um tempo ausente cá estou eu.
    Tem atualização no meu blog!
    Uma belíssimo poema,
    Uma entrega totalmente de amor e de silêncio.
    Lindo demais!!

    Obrigada por esse leitura!
    Beijos grande!
    Ótimo domingo!

    ResponderEliminar
  99. Realmente a vida é uma grande entrega!

    Lindo!

    ResponderEliminar
  100. Uma entrega de corpo e alma, no silêncio da solidão.
    Sempre intenso e profundo, lindo!
    Boa semana
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  101. Entregas-te na totalidade, a essência nua...

    beijinho

    ResponderEliminar
  102. Eu também... como todos aqui.. amo esse blog...
    Estive em viagem a serviço....e é sempre um prazer vir aqui!!!!

    ResponderEliminar
  103. Amiga Rosa Solidão, eu te escolhi
    Para uma divertida brincadeira
    No meu jardim espero por ti
    Aceitar ou não agradeço da mesma maneira!

    Um beijo
    Eduardo.




    ResponderEliminar
  104. Querida Rosinha

    Que todo amos tenha sempre este fogo de paixão.Lindo.
    Venho aqui te fazer uma visitinha .Preciso ficar um pouco afastada pois minha filha fez uma cirurgia e vc sabe mãe tem que cuidar de seus filhos né.Uma feliz semana para vc. Com carinho.
    Ana

    ResponderEliminar
  105. Um lindo poema em que existe uma entrega total por um amor já acabado.
    Gostei.

    ResponderEliminar
  106. A ausência, lugar do poema triste...minha amiga. Não esgotas este lirismo nu que te habita a alma.


    Um beijinho grande para ti.

    ResponderEliminar
  107. Prezada amiga Rosa, boa boa noite! Quanto tempo estive ausente né? Então minha amiga, graças a Deus estou totalmente recuperada de alguns pobleminhas de saúde que andei enfrentando. A única coisa que ainda se mantém ausente e a tal de inspiração para rabiscar...
    Mas aproveito este período para atualizar-me e por em dia minhas leituras e passeios aos blogs amigos. Saudade amiga! Obrigada por seu carinho presente várias vezes lá no meu cantinho durante minha ausência.
    Um grande abraço para você e meu carinho de sempre!
    Lembranças
    Ange.

    ResponderEliminar
  108. Olá Rosa, e que tudo permaneça bem contigo!

    E eu te entrego minha intensa admiração,
    Por entregar tão encantada beleza,
    Neste poema que expressa intensa tristeza,
    Entregando este escrito do teu intenso sentir,
    Em meio a esta dor, que tanto marcou teu coração!
    Parabéns por poema tão intensamente encantador!
    E obrigado por tuas gentis visitas e comentários. Assim desejo que em teu viver tenha sempre a felicidade intensa, grande abraço e até mais!



    ResponderEliminar
  109. Arte deliciosa da poesia. Sinto cores pasteis em minha mente. Belo esmero queridíssima ... perfeito! Beijo

    ResponderEliminar
  110. Arte deliciosa da poesia. Sinto cores pasteis em minha mente. Belo esmero queridíssima ... perfeito! Beijo

    ResponderEliminar
  111. OI, amiga Rosa. Passando e relando seu belo poema. Desejo uma boa semana! Beijos.

    ResponderEliminar
  112. Peço perdão por minha ausência infelizmente
    é tudo que tenho feito nos últimos tempos.
    Creio já estar cansado (a) de tantas desculpas da minha parte.
    Eu me sinto constrangida mais infelizmente
    a vida nunca é como a gente quer.
    Os planos de Deus nem sempre são os nossos planos
    a cada amanhecer Deus já tem um plano para todos nós.
    Agradeço pelo milagre da vida,agradeço a Deus por sua amizade
    tão linda .
    Um dia de paz e luz beijos carinhosos da sua afilhada,Evanir.

    ResponderEliminar
  113. Hoje deixo, apenas, um beijo e a minha amizade.

    ResponderEliminar
  114. Seus versos como sempre, intensos e profundos!
    És uma poetisa muito inspirada!

    Um grande abraço!

    ResponderEliminar
  115. Amiga Rosa com carinho lhe dedico este prêmio, passe em meu blog. COM CARINHO FERNANDA OLIVEIRA

    ResponderEliminar
  116. Minha muito querida Sonhadora!
    Se há pessoas que merecem ser celebradas neste dia do poeta és tu!
    E é com uma imensa e terna admiração que te deixo o meu enorme abraço poético!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  117. És uma poeta brilhante de verso inesgotável.
    Este poema é excelente, como sempre...
    Rosa Maria, tem um bom resto de semana.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  118. A entrega é um dos actos mais nobres do ser humano.
    Gostei imenso do texto. Parabéns!

    ResponderEliminar
  119. Boa Tarde Rosa
    Poemas destes não se podem comentar
    Os gritos em silêncio não saem do peito, nem as entregas da agonia se fazem nos entardeceres suaves.

    Do outro lado haverá mãos vazias e secas de esperança.
    Cantando nos afundamos na própria dor.

    ResponderEliminar
  120. Minha querida amiga, que poesia picante.
    Marcante e delirante.

    Senti essa entrega em cada verso.

    Que delícia.

    Um beijo

    ResponderEliminar
  121. Minha querida amiga,
    Sendo tu querida poeta, um marco , uma presença tão querida na blogosfera com a tua poesia maravilhosa, o teu sentir poético único e inconfundível, queria partilhar contigo o Prémio Dardos cujo selo se encontra no meu blog,donde o podes levar, como símbolo da minha enorme admiração por ti.
    Grande e terno abraço

    ResponderEliminar
  122. Boa tarde, Rosa. Uma real maravilha é ler você e quase não poder destacar verso algum, pois em si são perfeitamentes completos.
    Saudades de você no meu espaço, como sempre!
    A terceira estrofe é lINDA DEMAIS. "OLHOS PRENHES DE MÁGOAS".
    Olhos assim, fazem refletir muito bem diariamente em nossas emoções!
    Amiga, você é um talento pronto.
    Não há nada cru em suas poesia!
    Beijos na alma e paz!

    ResponderEliminar
  123. Amiguinha Sonhadora...lindinha vc me faz muito feliz com suas visitas em meu cantinho...adoro ler vc...
    Tenha uma metade de semana linda...deixando aqui meu carinho...•*♥.•´✿.•´✿ .•*♥.•´✿.•´✿ .•*♥.•´✿.•´✿ .•*♥.•´✿.•´✿ .•*
    Li algo e vou dividir contigo: Ame, como se ninguém nunca houvesse feito sofrer... Trabalhe, como se não precisasse do dinheiro... Dance, como se ninguém estivesse olhando... Cante, como se ninguém estivesse ouvindo... Viva, como se fosse no paraíso! Curta o que de melhor a vida lhe oferece com toda intensidade, como se fosse o último dia de sua vida ... A vida muitas vezes é curta, mas mesmo assim seu caminho é longo. Nela aprendemos a sorrir, chorar, amar, sofrer e a renascer, para amanhecer e termos um lindo dia... Não deixe para amanhã o que pode ser feito hoje...o ontem já passou... e o amanhã...talvez não chegará... Seja Feliz Sempre!.•*♥.•´✿.•´✿ .•*♥.•´✿.•´✿ .•*♥.•´✿.•´✿ .•*♥.•´✿.•´✿ .•*
    Seja feliz mesmo minha doce amiguinha...beijinhos
    Lucinha

    ResponderEliminar


  124. Entrego-te os versos que de tua ausência nasceram

    Como memória
    agonia e ternura
    Sombra - quase luz -
    decaída
    sem parte



    Bjo.

    ResponderEliminar
  125. A dor da ausencia instalada Rosa,deixa na boca o gosto amargo,faz o coração tremer e as palavras fluem como um rio num dia de chuva causando dor na devastação.
    Minha amiga seu poetar é um show.Sempre minha admiração.Meu terno abraço de paz e luz.Bjo.

    ResponderEliminar
  126. A vida sem tempo.....
    Quando tudo partiu e já nada faz sentido, sim, a vida é um buraco negro, sem tempo.
    Poema bonito, que gostei muito de ler.
    Uma boa semana.

    ResponderEliminar
  127. Minha poeta
    que o lirismo continue
    te abençoando com estes teus
    belos versos.
    Quero que passe no meu blog
    tenho um presente pra Você

    Abraços poéticos

    Luiz Alfredo - poeta

    ResponderEliminar
  128. Deixou um beijo de coração pra coração!




    Catita

    ResponderEliminar
  129. Quando o amor ultrapassa os sentidos e se aninha na alma, é motivo de inspiração. Como acontece contigo!
    beijocas
    Graça

    ResponderEliminar
  130. Muito bom te ler aqui.
    E também é muito bom
    receber o teu carinho.
    abraço

    ResponderEliminar
  131. Muito bom te ler aqui.
    E também é muito bom
    receber o teu carinho.
    abraço

    ResponderEliminar
  132. Querida amiga
    Venho agradecer a sua presença em meu cantinho
    Muito obrigada e que Deus esteja sempre com você.
    Abraço amigo!

    Amizade é um laço fraterno que vai se conquistando pouco a pouco.
    Amizade é um elo de Amor que vai se fortalecendo dia apôs dia.
    Amizade requer uma sabedoria toda própria, para que ela cresça e amadureça.
    Amizade é um sentimento de Amor que é perseverante nela mesma.

    ResponderEliminar

Amigos são velas acesas ao fundo da escuridão
alumiando o caminhode volta...a presença doce e
serena numa noite de tempestade...são o abraço
suave da vida...palavras ditas muitas vezes em
silêncio aquecendo a alma e o coração.

Um beijinho carinhoso a todos que por aqui passam.
Sonhadora