BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

sexta-feira, 27 de junho de 2014

DIZ-ME TRISTEZA...PORQUE CHORAS

Vieste na luz da madrugada...com dedos de negridão
Rasgando a minha carne como se fosses lava ardente
Sangue e cinza escorrendo gota a gota do meu coração
Nesta dor que doi e me grita nas veias...silenciosamente

Vieste na luz da madrugada...com promessas de alegria
E as mãos cheias de sonhos que morreram ao entardecer
Duma primavera sangrando...aguçada lamina que me feria
Numa dolorosa e suave agonia que retalhou todo o meu ser

Vieste na luz da madrugada...trazias nas mãos rosas bravas
Que desfolhaste uma a uma...juncando de sangue o meu chão
Como se fossem promessas de amor com que me encantavas
Murmurando sobre o meu corpo palavras de amor e traição

Vieste na luz da madrugada... enfeitada de ternura e solidão
Vestiste em ti o meu rosto...derramaste sobre ele toda a mágoa
Que já não cabe no meu peito e já não consigo prender na mão
Chegaste no fim dos meus dias com uma rosa e uma lágrima

Vieste na luz da madrugada...trazendo lembranças do passado
Pedindo-me um leito para adormecer...um corpo para afagar
Com garras de abutre sobre mim te deitaste num grito calado
Sem perguntares se te queria a meu lado...chegaste para ficar

Vieste na luz da madrugada...trazendo perfume de incenso
E do meu nome me despiste...da minha alma me despojaste
Petrificaste o meu coração e sobre mim repousas em silêncio
Partilhando nossas sombras na noite que em mim derramaste

Vieste na luz da madrugada...trazendo contigo antigas auroras
Que no meu olhar já não brilham...em lágrimas se desfizeram
E antes que a noite amanheça...diz-me tristeza porque choras?
Quando me abraças e procuras se sabes que sempre te espero




Voltei...agradecendo o carinho e apoio que me deixaram em cada palavra. OBRIGADA do fundo do meu coração.
Não vou deixar que me vençam...que depois de “roubarem” um pedaço da minha alma fiquem a pensar que ganharam. Não me rendo a gente sem moral. Porque quem se apropria do que não é seu, para mim são pessoas desprovidas de carácter e consciência.
Não vou também deixar de lutar “PLÁGIO É CRIME” e assim deve ser tratado. Na altura certa postarei aqui os links de quem me plagiou.

Um beijinho com carinho 
Sonhadora

92 comentários:

  1. Rosa Maria, boa tarde,
    manda a tristeza embora
    queima mais do que arde
    apoquenta a todo a hora!

    O teu poema madrugou,
    coo o passarinho a cantar
    no raminho de oliveira pousou
    na azeitona preta a picar!

    Deixa para lá a negridão,
    não faças caso dela
    dentro do peito o coração
    abre à claridade a tua janela!

    Bom fim de semana, um beijinho para você amiga Rosa Maria, Rosa Solidão, Sonhadora!
    Eduardo.

    ResponderEliminar
  2. TEXTO LLENO DE EMOTIVIDADES. GRACIAS POR REGRESAR.
    BESOS

    ResponderEliminar
  3. OI ROSA!
    MUITO BEM, AMIGA.
    PORQUE DEIXARIAS DE POSTAR?
    SERIA COMO SE DEPUSESSES AS ARMAS SEM LUTAR.
    CONTINUE A ESCREVER, TEUS TEXTOS SÃO TÃO LINDOS QUE SERIA UMA PERDA MUITO GRANDE FICARMOS SEM ELES.
    ABRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  4. Que bom te ver voltando e não podes mesmo te entregar assim! Valeu! bjs, lindo fds e vai em frente, firme e forte!! chica

    ResponderEliminar
  5. Linda amiga, prazer de novo por aqui poder ler seus lindos versos poéticos!
    Ninguém que te venha a plagiar poderá se sair bem disso, pelo contrário, estão a lhe homenagear, embora de forma "torta", pois é errado, e espero que fique bem, continues nessa linda maneira de nos presentear, estando por aqui sempre!
    Beijos!

    ResponderEliminar
  6. Noutra madrugada próxima que vier
    Que venha uma luz não vinda ainda
    Que te abrace e a ti poeta-mulher
    Se abram alvoradas de uma manhã linda


    ResponderEliminar
  7. Porque aqui é seu lugar, suas inspirações já nos pertencem, os amantes da poesia, sem elas somos órfãos.
    Linda construção Rosa com seu canto cada vez mais lindo sobre o amor e que estes versos não sejam jamais sufocados, solte-os ao ar sempre amiga.
    Um lindo fim de semana a voce com meu terno abraço de muita paz e luz em seus dias.
    Beijo de paz.

    ResponderEliminar
  8. Que bom amiga que voltou!!!Você não pode calar poemas tão bonitos, como esse.
    Uma semana alegre pra você e sua família.
    Beijinhos, Sonhadora!

    ResponderEliminar
  9. Oi Rosa,
    Quanta tristeza sinto na sua poesia.
    Cure seu coração que sua alma pede, os que lhe magoaram descerão as escadas e o tombo será grande.
    Você escreve Divinamente e não nos prive dessa beleza.
    Vou colocar seu blog na minha lista
    Um beijo
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  10. oi minha amiga,

    obrigada por voltar,
    é sempre maravilhoso te ler,
    o que te pertence é seu minha querida e não é plágio nenhum que vai tirar,
    está gravada cada letrinha em seu coração...

    beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Oi Rosa! Fico feliz que tenhas voltado, e voltado em grande estilo com este belo poema, principalmente a estrofe abaixo:

    Vieste na luz da madrugada...trazendo lembranças do passado
    Pedindo-me um leito para adormecer...um corpo para afagar
    Com garras de abutre sobre mim te deitaste num grito calado
    Sem perguntares se te queria a meu lado...chegaste para ficar

    Beijos e um ótimo final de semana para ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderEliminar
  12. Há sempre um sorriso por detrás da tristeza....e renascemos na luz da madrugada...
    Que bom que está de volta e obrigada pela visita.
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  13. Gostei do poema.


    Mais importante , porém, é o seu regresso!

    E , sim, não podemos dar a quem quer que seja o prazer de nos destruir...nem pensar!

    Portanto, coragem, amiga.


    Abraço solidário e com carinho.

    ResponderEliminar
  14. Óptimo o seu regresso , assim como o poema .


    Beijo Grande , Rosa Maria ,
    Maria

    ResponderEliminar
  15. Poema à altura do seu regresso. Lindo! Não podemos ficar sem vc.
    Beijos, querida,
    Renata

    ResponderEliminar
  16. Rosa,que maravilhosa e comovente poesia! Não sei como tem gente que ainda tem coragem de plagiar poesias tão lindas e que tem a sua marca! Bjs,

    ResponderEliminar
  17. Olá, Boa noite,RosaMaria
    Bem vinda, bom retorno!
    ...sim,a tristeza chora e faz parte da vida, então o jeito é aprender a lidar com ela.E como todos nós estamos à mercê desse sentimento e não existe um estado de espírito permanente, pois conforme a vida vai acontecendo nossa mente reage de uma determinada maneira, por isso, por vezes, recebemos essa indesejada visita que vem mostrar seu choro, quando se depara com nossas fragilidades e a incapacidade frente a alguns obstáculos... mas,com certeza, não sendo patologia, não é eterna...
    Com relação ao plágio, meu apoio e carinho,sempre!
    Obrigado pelo carinho,bom domingo, beijos!

    ResponderEliminar
  18. Encanta tuas letras sábias...Luz das estrelas dancem sobre cada uma delas amiga querida.

    Um beijo e saudades.

    ResponderEliminar
  19. Bom dia de domingo!

    Eu Aprendi
    Que são os pequenos acontecimentos
    diários que tornam a vida espetacular;
    Que cada pessoa que a gente conhece
    deve ser saudada com um sorriso!

    ___________William Shakespeare

    Abraços de uma boa semana

    └──●► *Rita!!

    ResponderEliminar
  20. Diz-me tristeza porque choras ?
    -----------
    É normal a tristeza provocar o choro. São momentos angustiantes que nos levam a isso.
    ------------
    Que a felicidade ande por aí.
    Manuel

    ResponderEliminar
  21. Minha amiga tenho andado um pouco ausente das minhas visitas, e nem dei conta da situação tão desagradável por que tem passado. O importante é seguir em frente, e continuar aqui para nos encantar com a sua maravilhosa e sentida poesia.
    Um grande beijinho
    Maria

    ResponderEliminar
  22. Ola Rosa,
    Aonda bem que voltaste
    voce faz muita falta. Seus poemas são
    de reflexão e do fundo da alma.
    sabe que um ano depois de eu ter feito meu blog
    achei um igualzinho ate com o mesmo nome.
    Fiquei pasma , nunca tinha visto plagiar um blog inteiro,
    inclusive com o meu nome.
    Fique bem, beijos

    ResponderEliminar
  23. Dois comentários que "voaram"...
    Voltrei para verificar.
    Mil beijinhos minha doce amiga

    ResponderEliminar
  24. Bem...como este ficou, vou tentar repetir-me...
    "vieste com a luz da madrugada" mas mais brilhante que nunca se é possivel medir a beleza de cada poesia tua. Lamento , minha querida, mas depreendes concerteza a razão deste crime que NADA justifica: o mediatismo da tua poesia. Não nos prives da tua presença, já que deixavas um vazio enorme em todos os teus amigos.
    Um terno abraço e continua, minha querida amiga

    ResponderEliminar
  25. Querida Rosa,

    A tua poesia tem uma beleza e intensidade ímpar...

    Fico feliz com a tua volta,pois imaginei que

    tu precisavas de um tempinho (silêncio)

    para voltar com teu brilho!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  26. .

    .

    . o plágio dá.me vómitos e a Sua poesia é ímpar e in.copiável .

    .

    . um grande beijinho .

    .

    .

    ResponderEliminar
  27. Que luz traiçoeira ?! que sina, nas sombras ou na claridade anda sempre a atormentar-te !
    Existe algo mais trágico que Roubar a alma aos outros? Pobre ladrão...fraca postura, não merece a nossa atenção.... fantasma sem vergonha...

    Beijinhos Rosita, essa gente vive disso mesmo, do eco, da fotocópia... até um dia...E posta o links para sabermos quem é a "sombra fútil chamada gente" - que me perdoe o poeta por utilizar a sua grandeza numa ocasião como esta.

    ResponderEliminar
  28. Ainda bem que voltou. Os seus poemas são muito bons e quem se acostumou a passar por aqui e a lê-las, reconhece a sua poesia, onde que que a leia.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderEliminar
  29. Olá Rosa!
    Como sempre a tua poesia é vibrante, sentida, de uma sentimentalidade que nos arrasa!
    PARABÉNS,amiga!
    O teu valor não há plagiadores no mundo que o consigam tirar! És única na tua forma de escrever poesia.
    Continua a publicar...sempre que puderes.
    Compreendo a tua dor e o teu desencanto.
    Segue em frente!Um grande abraço com todo o meu respeito e amizade.

    ResponderEliminar
  30. A vida tende muita das vezes a nos mostrar o oposto de que o responsavel pela desorde em nossas vidas samos nós mesmos, e de que muitas das vezes as plovaçoes nao nos torna nem melhores e nem piores apenas nos ensina arecomeçar com inteligencia....bj linda...te desejo toda felicidade do mundo....

    ResponderEliminar
  31. Ainda bem que voltaste, minha amiga.
    É bom ler-te.

    bj

    ResponderEliminar
  32. Rosa Maria

    Muito boa a tua opção de continuar no nosso convívio, com a tua maravilha poesia. Este é mais um poema paradigma, de quantos nos tens deixado. Uma coisa diferente do plágio é nós tentarmos beber, no que os nossos amigos nos apresentam.
    Beijos de amizade

    ResponderEliminar
  33. Querida Rosa-Sonhadora!
    Feliz com seu regresso!

    Também já fui vítima de plágio, no meu caso, consegui resolver intimando o sujeito via rede social e com a ajuda de amigos, enfim.
    O mais importante é tentar não se abalar e nem deixar a poesia falecer...

    Lágrimas de saudades que não cessam. Amor líquido que escorre das veias. E o rio sempre desemboca no mar...

    Grande beijo e se cuide!

    ResponderEliminar
  34. Feliz regresso, cheio de coragem e talento...
    adorei o que acabei de ler
    Beijo

    ResponderEliminar
  35. Bom dia Rosa.
    Que bom que continuou a nós presentear com as suas lindas poesias,certíssima em não se entregar. Para você e seus queridos um ótimo julho, que jorre saúde e muita paz.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  36. Boa tarde,
    Votos de um feliz regresso ao mundo da blogosfera, poema lindo escrito com enorme sentimento de amor.
    Seus poemas sempre encantam os poetas e não poetas, (meu caso) é sempre maravilhoso ler e reler os mesmos sem fazer plágio.
    Dia feliz
    AG
    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  37. somos nós que choramos tristes,


    mas a sua coragem é bonita de ver!


    beijinhos, Rosa

    ResponderEliminar
  38. Porque nada é mais triste que a tristeza...

    Bem regressada!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  39. Olá amiga passando rapidinho para avisar que de hoje até o dia 06 de julho estarei recebendo as poesias para o 9º Pena de Ouro, lembrando que as 20 primeiras é que serão selecionadas. Caso não deseje participar da brincadeira como poetisa conto com tua presença a partir do dia 12/07 para a votação. Um enorme beijo no coração (ISSO É UM SPAM KKKKKKK)

    http://ostra-da-poesia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  40. Que bom que você voltou, Rosa! Os maus não podem vencer. Beijos!

    ResponderEliminar
  41. Fico feliz em vê-la poetizando lindamente. Não deixa ficar abalada com quem não saber ser honesto e criativo. Essas palavras e todas palavras que tu escreveste são suas por direito. Só tu poderias escrevê-las lindamente assim. Do seu jeitinho. Beijos.

    ResponderEliminar
  42. Puro sentimento exaltado em cada palavra...

    Bjos

    ResponderEliminar
  43. Que bom que voltou, e em grande estilo com esse poema maravilhoso...

    Beijos...

    ResponderEliminar
  44. Hoje, as lágrimas são de alegria... não desista de escrever e de partilhar.

    Bem-haja.

    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  45. Sombria e linda, uma aula de poesia!
    Grande abraço e sucesso!

    ResponderEliminar
  46. Fico feliz de te ver de volta minha flor..com este belo poema...é isto mesmo!nada de abaixar a cabeça para pessoas sem caráter...se eu fizesse isto nem estaria aqui mais no virtual...só Deus sabe o que passei estes dias atrás de ter tido meus blogs invadidos..meu pc..meus e-mails invadidos...mais refiz tudinho e estou de volta.porque adoro blogar..um abraço com carinho...

    ResponderEliminar
  47. Renovo os meus aplausos a uma escrita que me apetece: a tua!

    Mostra a tua revolta e identifica quem te plagiou. É um dever do autor!
    Beijinhos, minha querida amiga.

    Teresa

    ResponderEliminar
  48. Amiga Rosa, o teu estilo, o teu talento e teu sentir ninguém te pode roubar!
    Luta pelo que é teu e nunca desistas de nos fazer companhia.


    beijinho solidário e amigo




    ResponderEliminar
  49. A sua poesia é encantadora.
    A tristeza que lhe dá cor também lhe dá a vida de alguém que chora,que luta e que não desiste.
    Agradeço muito a sua visita.

    ResponderEliminar
  50. mesmo com a a alma a sangrar, que nunca ninguém tenha a ousadia de pensar que venceu o Poeta...

    o Poeta é um VENCEDOR porque tem "armas" (as palavras) que só ele sabe usar.

    o meu abraço.

    sempre!

    ResponderEliminar
  51. Muito feliz por ter voltado.A Rosa
    está MUITO ACIMA desses/as plagiadores que deviam ter imensa
    vergonha se tivessem carácter e
    dignidade. Os imensos admiradores
    da sua poesia(na qual me incluo)
    respeitam imensa a poetisa e a mulher e tem a nossa imensa amizade. É bom tê-la no mundo dos
    blogues, porque o seu blogue é
    mtº. especial e sem ele tudo seria
    mais vazio.
    É pois mtº. bom ter aqui a sua
    poesia, os fados, tudo o que tem
    a sua escolha.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  52. Oi Rosa Maria,há uma tristeza muito grande nessa poesia,mas suas palavras sempre nos encantam.
    Que bom que voltou,para brindar-nos com seus versos doces.
    bjs amiga
    Muita luz.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar

  53. Bom regresso querida amiga.

    Que poema belo para o teu regressar a este nosso mundo blogosférico.

    E na madrugada voltam sempre as recordações a saudade.

    Lindo...Lindo...

    Bjgrande do Lago com muita amizade

    ResponderEliminar
  54. Voltaste "na luz da madrugada", com um poema muito melancólico e belo. Não deixes que te façam fugir...
    Beijo.

    ResponderEliminar
  55. Muita coisa pode a luz da madrugada trazer, muita coisa bela :)

    beijinhos

    ResponderEliminar
  56. Se desistisses, não "darias à luz" tão excelente poema.
    Continua a encantar-nos com a excelência das tuas palavras.
    Já te disse e repito: podem roubar-te tudo, mas não vão conseguir roubar o teu talento.
    Bom resto de semana, querida amiga Rosa Maria.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  57. Estás de volta, bela e inspirada.
    A tua força é maior que toda essa gentalha, que sem valor, quer brilhar à conta daqueles que o tem.
    Força amiga!
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  58. COMUNICADO:
    TENHO ESTADO DOENTE
    04.07.2014

    Há cerca de cinco dias fui atacado por uma forte gripe, que mostrou intenções de invadir zonas do meu corpo que não lhe diziam respeito, nomeadamente a zona pulmonar.
    O médico que me tem assistido moveu-lhe guerra feroz, e da refrega saíram dois vencedores: o médico e eu.
    Hoje já tive autorização para me levantar duas ou três horas, e mal pus o pé fora da cama, corri – em sentido figurado, que as forças ainda não dão para correr – “corri” para o computador para estar um bocadinho convosco.
    Espero em breve estar são como um pêro…“Bravo de Esmolfe”– o mais doce do reino *perófico* (de pêro).
    Sei que a palavra não existe, acabei de a inventar… mas é gira, não é? 

    Miguel, o rei perófico

    (AQUI APARECE A FOTO DO REI, QUE POD VER NO BLOG)
    Beijos para as meninas e abraços para os meninos.
    Até breve, até sempre.
    P.S. O meu primo vai-me fazer o favor de levar este comunicado aos blogues amigos, para que não me esqueçam...
    Miguel

    ResponderEliminar
  59. Saber regressar é um Dom que não podes desperdiçar. Voltaste e é bom! Não gostaria de saber-te a deixar espaço para criminoso usar e se sentir seguro e impune.
    Que a "voz" da razão nunca te doa.
    A Justiça far-se-á por si mesma.
    Benvinda ao teu "terreno", Rosa.
    Adoro que te sintas bem entre quem te quer bem.
    Fico solidário e muito feliz.


    Beijos


    SOL

    ResponderEliminar

  60. Olá, Sonhadora.

    Boas obras sentimento.
    Obrigado por sua visita sempre.

    Desejo a todos o melhor.
    Um abraço.
    Do Japão, ruma ❃

    ResponderEliminar
  61. Oi, Rosa!
    Ainda bem que não deixou de postar. Os plagiadores são vampiros e você não deve fraquejar. Eles querem nos desanimar, mas não deixe.
    Seus poemas são perfeitos e atrativos para os sem caráter que andam pela blogosfera. Sabe que já recebi um e-mail com um texto meu como autor desconhecido?
    Eu ficaria muito triste se não encontrasse mais atualização no seu blogue. Eu tenho um poema seu salvo no meu computador e sempre leio. Se publicar, podexá que vou colocar a autoria :D
    Comentei no post anterior como faz para denunciar plagiadores. Se quiser detalhes de como fazer, me escreva!
    Bom fim de semana!!
    Beijus,

    ResponderEliminar
  62. Que poetar mais lindo, embora envolto de tristeza, porém lindo como sempre.
    Sinto muito pelos plágios querida amiga é lastimável tal atitude.
    Fica com Deus e não nos deixe por favor doce amiga Rosa Maria, um grande beijo em seu coração.

    ResponderEliminar
  63. Olá, Rosa. Sinto por tudo isso!! Más vc não deve se abater, pois são pessoas inescrupulosas, sem caráter que se procedem dessa forma. Vc é muito especial para todos nós e estamos junto com vc! Desculpe a demora da visita. problemas de sinal!! Adorei o poema. Agradeço o carinho lá no blog! bjos e muita paz. òtimo domingo!

    ResponderEliminar
  64. Minha grande poetisa Rosa !

    Que lindo poema. Adorei. Meus parabéns.
    Um lindo dia e maravilhosa semana,
    Com muito amor e felicidade em seu
    coração!

    Beijos de luz !!!!!!!!

    POETA CIGANO – 07/07/2014

    http://centelhaspoeticas.blogspot.com

    “Meus Sonhos e Devaneios Poéticos”

    ResponderEliminar
  65. Bem cedo na vida conheci essa sensação: de ser copiada. Hoje já nem me importo...
    Mas devia haver mecanismos que obstassem a esse roubo da identidade de uma alma, de um espírito, de uma mente.
    Não cruzes, porém, os braços.Porque serás sempre inconfundível. Única.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  66. Oie lindinha..que lindo poema...vim agradecer a vc pelas palavras no blogger da amiga Lindalvinha..valeu querida vai conhecer meu bloguxinho beijus feliz semaninha ..

    ResponderEliminar
  67. Rosa, que poesia maravilhosa, grande inspiração poetisa linda. Um bj nesse coração lindo.

    ResponderEliminar
  68. Rosa seja mil vezes bem vinda, sempre é bom ler as tuas palavras. Tenha uma linda semana.

    ResponderEliminar
  69. Obrigada pela atenção e pelo carinho. Oportunamente, retornarei para ler, eis que, no momento, não me concentraria. Bjs.

    ResponderEliminar
  70. Boa tarde Rosa.. fico feliz com tua visita.. que bom que conseguiste me seguir.. eu não tenho conseguido seguir mais ng.. não sei o que tem esse blog..
    linda poesia...
    vestida de rimas como tanto gosto..
    falar de tristeza, de amores.. falamos de coisas que fazem parte do nosso dia a dia..
    bjs e até sempre

    ResponderEliminar
  71. Rosa assim com perfume
    nas palavras cor de paixão
    que se imola numa canção
    é ela própria um poema!

    Quem a rouba é um pateta
    querendo parecer poeta.

    ResponderEliminar
  72. Olá prezada Rosa, e que tudo esteja bem contigo, sempre!
    É deveras revoltante saber que a cada dia se multiplicam as pessoas que não tem o mínimo respeito pelo próximo e nem por si mesmo, pois já que gosta tanto da arte alheia, eu penso que seria menos vexatório aplaudir, ou até mesmo pedir para usar e dar os devidos créditos da autoria, mas nem sempre pensam desta maneira, apenas se apropriam do que não lhes pertence e ainda reivindicam elogios, que pena!
    Mas prezada Rosa não sofra tanto, logo tudo se normaliza, pois é impossível que com intensa divulgação estes “pretensos” artistas não desistam de continuar com isso!
    E assim após ler mais esta tua intensa poesia, e saber mais sobre estes que surrupiam obras por não ter qualquer talento, deixo cá meu agradecimento por tuas sempre tão gentis visitas e comentários, além da tua amizade, e deixo também meu desejo para que tenha sempre em teu viver e poetar a felicidade intensa, um grande abraço e, até mais!

    ResponderEliminar
  73. Rosa

    Não compreendo porque não coloca o nomes de quem plagiou seus versos!

    As pessoas estão em transe esperando! Eu não estou, pois deste local tudo se pode esperar e não me admiro pelo acontecido. Espero que quem o fez, não o torne a fazer!

    Como posso dizer que a tristeza é linda?

    Mas ao ler seus versos me rendo e digo "É linda a forma como a escreve".

    Agradeço sua presença nos "7degraus" e sempre que a encontro noutros lugares!

    Beijo,

    Maria Luísa

    ResponderEliminar
  74. O que nos vai dar a seguir....
    Gosto dos seus poemas..
    Beijo

    ResponderEliminar
  75. Um novo poema, cheio daquela profunda e cortante tristeza que todos nós já alguma vez sentimos.
    Tens uma profundidade e beleza de escrita que quem tem cabeça sã, admira , respeita e faz vénia, porque o talento dos outros é um privilégio que nos é dado admirar.
    Quem o copia só pode ter uma mente preversa e insalubre. Algo de imperdoável e um roubo de propriedade intelectual que deve ser punido.
    Parabéns. Escreves maravilhosamente, segue em frente.
    xx

    ResponderEliminar
  76. Olá querida amiga, uma passagem para lhe deixar meu carinhoso abraço e desejar um bom e lindo domingo.
    Beijo de paz no seu coração.

    ResponderEliminar
  77. Minha querida Rosa Maria, que a luz da madrugada te ilumine o sorriso, e que a tristeza seja apenas...o divagar do poeta...:)

    Maravilhoso como sempre...:)

    Beijinhos com todo o meu carinho.
    Tenho estado ausente, mas conto voltar em breve.

    ResponderEliminar
  78. Minha querida poetisa maior:
    Passei muitos dias sem vir à net, pois estive descansando em uma viagem longa. Assim, só agora, que busco, como sempre, a beleza de sua página, me deparo com o problema que a tem atormentado. Problema antigo como o mundo... Quem não tem capacidade imita os outros. Também tenho sido muito vítima disso. Inclusive, há pouco tempo, um amigo meu, que mora nos Estados Unidos, enviou-me um poema supostamente de uma americana chamada Grace qualquer coisa (não consigo me lembrar...) e tive o choque de deparar-me com um poema que escrevi há muito em um livro que foi, inclusive, premiado em um concurso no ano de 1972. Não sabia, porém, como denunciar. E tudo ficou por isso mesmo... Agora é tarde, pois nem me lembro do nome dela por inteiro.
    Mas, minha querida, prefiro falar da beleza de sua poesia. Para mim, vc é a Florbela Espanca de nossos dias. Como já cansei de dizer-lhe, sua poesia nos emociona por transmitir as emoções próprias dos abismos da existência humana!
    Não desista! Levante a cabeça e continue a derramar seu coração nas pérolas que nos encantam. Receba todo o carinho dessa sua amiga e admiradora, que, embora do outro lado do Atlântico, sente-a tão perto da alma.
    Bjs.
    Maria Luiza

    ResponderEliminar

  79. No “DEUSA” respondi assim ao teu comentário:

    Miguel28 de Junho de 2014 às 18:42

    Minha querida Rosa Maria
    Obrigado por teres vindo.
    Soube, pela nossa querida amiga Mariazita, a maldade (aliás, as maldades, pois foi mais do que uma...) que fizeram contigo.
    Não sou nada dado a violências... mas neste caso mereciam um castigo bem pesado, que lhes servisse de emenda, e de exemplo para outros que, eventualmente, pensassem em tal safadeza!

    Que tudo corra como desejas e mereces.
    Um carinhoso beijinho

    ResponderEliminar
  80. Suas inspirações são únicas e sublimes, Rosa...dignas de serem registradas em nossos melhores sentimentos.

    Ghost e Bindi

    ResponderEliminar
  81. Voltaste e com uma intensidade deslumbrante.

    Que tudo esteja muito bem contigo, querida Rosa Maria.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  82. Oi passando para agradecer por essa poesia linda!! E tbm para te dizer que a homenagem que a Lu fez pra vc ficou linda!! Para merece. Parabéns a vcs, pela amizade,e carinho.
    Aproveito a oportunidade para te avisar que já começou os votos nas poesias do ostras da poesia.
    Passa lá para deixar o seu voto na que melhor te tocar.
    http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  83. Belo..belo querida...seus poemas sempre me encantam...passando para seguir seu cantinho com o endereço nos meus novos blogs...deixo um abraço com carinho flor!

    ResponderEliminar
  84. OI ROSA!
    RELENDO E TE DEIXANDO MEU ABRAÇO E VOTOS DE UMA BELA SEMANA.
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  85. Ei dona moça, como escreves bem né não? Hum... kkkk

    Dizer que o seu poema é o ouro da babilônia é chover no molhado.

    O Sibarita

    ResponderEliminar
  86. E é assim que dás a resposta às pessoas sem dignidade, voltando e continuando com a tua bela poesia. Afinal quem perderia nisso tudo seriam os teus amigos e eles continuariam com os seus procedimentos incorretos. Parabéns, amiga pela decisão e cá estaremos sempre para te seguir, apoiar e vibrar com a tua poesia. Beijinhos e até sempre!
    Emília

    ResponderEliminar
  87. Rosa, eu fico boquiaberta com teus versos. Queria te espiar buscando a inspiração. kkk Eu, às vezes, me arisco a escrever poesias. Mas é tudo muito simplório. Sou apenas uma metida. kkk
    Amei!
    Beijinhos com carinho!

    ResponderEliminar
  88. Querida Rosa
    Seja muito bem vinda,cheia de força e determinação!
    Mesmo que a volta tenha sido de madrugada,BRILHOU!
    Parabéns,pois a sua forma de poetar é inimitável!
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar

Amigos são velas acesas ao fundo da escuridão
alumiando o caminhode volta...a presença doce e
serena numa noite de tempestade...são o abraço
suave da vida...palavras ditas muitas vezes em
silêncio aquecendo a alma e o coração.

Um beijinho carinhoso a todos que por aqui passam.
Sonhadora