BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

sábado, 21 de janeiro de 2012

Sei do silêncio...



Sei do silêncio que cala os meus gestos...do amor inventado
Da ausência colada na pele...dos beijos adormecidos na boca
Dos sonhos por dentro da noite...dos desejos no corpo calado
Sei da mulher que vagueia sem rumo...tão triste...tão louca

Sei das flores que o vento acariciou...do tempo que as secou
Da chuva a escorrer do meu olhar...da eternidade dos sonhos
Do sol que se escondeu...da ausência que o meu corpo gelou
Sei da negrura que cobre o dia...das folhas secas de Outono

Sei do nada que sobrou dos sonhos...do tempo infinito
Dos caminhos onde me perdi...do mar onde naufraguei
Das mãos que seguram farrapos...da solidão que grito
Das ilusões que a noite matou...dos desejos que calei

Sei das águas estagnadas...dos rumos incertos no peito
Do nada que me inunda...do vazio no meu corpo suspenso
Do beijo preso nos gestos...do desejo amordaçado no leito
Sei das mãos onde naufragaram carícias...do mar imenso

Sei do sorriso que grita o silêncio...sei das noites sem fim
Do Inverno do meu leito...dos dias sem sol...dos gestos vazios
Sei do meu corpo a entardecer...dos gemidos que esqueci
Da pele que guardou os segredos...dos meus lábios frios

Sei do silêncio preso no olhar...da carícia no tempo esquecida
Do rio que corre lento no meu peito...da rosa seca na mão
Das cinzas tatuadas no meu rosto...da Primavera perdida
Sei da árvore despida...das folhas mortas...da desilusão



116 comentários:

  1. Querida amiga Rosa.O silêncio é a alma no canto da esquina da rua, no quarto e no meio de muita gente.
    Beijinho de amizade sempre bfs

    ResponderEliminar
  2. Rosa amiga
    Que dizer que não vá beliscar o sentimento que escorre de cada palavra, cada verso, cada estrofe de mais este poema sentido?! Permito-me, apenas, reincidindo, eu sei, desejar que tão lindos poemas possam, um dia - que seja ontem! - amanhecer de novo, ainda que pelo fim da tarde, vê-se que, sempre, apaixonada e de emoções à flor da pele!
    Beijinho do Quicas com votos de bom fim de semana

    ResponderEliminar
  3. Linda poesia amiga... o silêncio é bom para refletir, é no silêncio que descobrimos muitas coisas... beijinhosss XD

    ResponderEliminar
  4. ...e esse rio que corre no peito, corre abruto por entre as lages rodopiando nas margens desassossegadas desse peito em silêncio ensurdecedor!
    Mais uma grande e bela poesia, querida Rosa!Que mais dizer?
    Bom fim de semana
    Mui bjis

    ResponderEliminar
  5. Oi Rosa,

    Sempre que leio seus poemas, viajo com eles. E neste continuo vendo a mesma mulher, vivendo um amor guardado dentro de si, amordaçado de saudade, preso na história. Essa mulher contina guardando dentro de si o mais profundo amor que alguém já pôde sentir...

    E a Rosa sempre presente no poema.

    Belíssimo Rosa! A propósito, você tem livros editados? Gostaria de adquirir.

    Beijos amiga

    ResponderEliminar
  6. Que alma mais linda eu vejo com os meus sentidos quando leio tuas linhas entrelaçadas de emoções tão delicadas!...Beijos querida, lindo final de semana pra vc!!

    ResponderEliminar
  7. Rosa querida, fico sempre sensibilizada e grata pelas tuas palavras.

    Entrar neste teu espaço é sempre como entrar no teu coração e através dos silêncios escutar o teu pulsar... o sentir dos teus sonhos... desvendar o segredo dos teus poemas...

    "Sei do sorriso que grita o silêncio...sei das noites sem fim
    Do Inverno do meu leito...dos dias sem sol...dos gestos vazios
    Sei do meu corpo a entardecer...dos gemidos que esqueci
    Da pele que guardou os segredos...dos meus lábios frios"...

    Como as nossas almas se entendem e comunicam....

    É sempre um doce afago ler-te.

    Beijos querida, te deixo o meu carinho com saudades.

    Anna

    ResponderEliminar
  8. Sei de mim e do meu silêncio que me fere as mãos de escrever

    Sei de tudo que me cerca e me limita os passos e os dias.

    Sei como se não soubesse nem quisesse acordar destas cinzas com que me visto...

    Diz sempre mais do que tudo quanto posso ler aqui.

    ResponderEliminar
  9. Rosa

    Saber, do que não vai a contento, pode ser salutar, se estamos em tempo de emendar. O certo é que sempre se deve tentar. Que o sofrimento se prolongue, há que procurar evitar, ainda que imaginando e escrevendo um poema de encantar, como o presente.
    Beijos

    ResponderEliminar
  10. Lindo silêncio e tuas poesias são assim sempre!beijos, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  11. Eu sei que é mais um poema belíssimo:)!
    Bjo

    ResponderEliminar
  12. Rosinha

    Sei que enquanto escreves o amor ausente, sofrido, magoado te encontras em estado permanente de paixão. Nas palavras o espelho da tua alma.
    Lindo, como sempre!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Silêncio que não cala a poetisa, que a inspira a fazer poemas lindos como este.Beijos

    ResponderEliminar
  14. Precioso y hermoso poema, gracias por acariciar nuestro corazón con la magnifica belleza de tus versos. Que pases un feliz fin de semana lleno de sensaciones positivas. Un beso desde la distancia de un amigo.

    ResponderEliminar
  15. Poeta

    Amosua encantadora Poesia, obrigada por compartilhar o alimento da minha Alma...!! Obrigada Sempre...!!

    Saudações Poéticas...!!

    ResponderEliminar
  16. Que esse silencio se faça de amor,,,de sonhos, que ele seja um intenso grito da alma esperançosa....beijos de bom sábado.

    ResponderEliminar
  17. .

    .

    . bel.íssimo . provavel.mente . uma das Suas melhores composições .

    .

    . os meus parabéns .

    .

    . um beijo meu .

    .

    .

    ResponderEliminar
  18. AMADA FRATERNA AMIGA:

    A VIDA E A LUTA,CONTINUAM,ABRAÇAMOS VOCE

    REGINA E RICARDO

    ResponderEliminar
  19. Boa tarde, amiga Rosa. Um poema perfeito como sempre!
    Um dos versos que me chamou a atenção dentre todod que amei, foi quando você se referiu que nada havia sobrado dos sonhos.
    Sei como é isso.
    Planos, projetos, e pela convivência em algum momento torna-se impossível realizá-los.
    Ficam as tristezas, as perguntas, a incompreensão do porquê de tudo isso acontecer.
    Sempre trazendo a profundidade na alma!
    Parabéns!
    Ficou lindo!
    Um beijo na alma, e tenha um fim de semana abençoado!

    ResponderEliminar
  20. Olá Rósinha, sabes bem de tudo...que bom que nada soubesses...lindo e nostálgico como sempre este teu maravilhoso poema. Amei. Beijos com carinho

    ResponderEliminar
  21. GUAU, ME HAS HECHO SENTIR UN SILENCIO HERMOSO!!!
    BESOS

    ResponderEliminar
  22. querida sonhadora,
    "autopsicografia" este teu texto: só sobre os trilhos do muito que sabemos [julgamos saber], poderemos lançar o que remanesce da viagem, sem vertigens a escaldar ou temores arquejantes; afinal, é na viagem que nos completamos.
    beijinho!

    ResponderEliminar
  23. Mulher louca que vagueia,
    Nos desejos do corpo calado
    Pelos beijos adormecidos anseia
    Por um amor verdadeiro, não inventado.

    Como as flores que o vento acariciou,
    Sonhos que do Sol escondeu
    Em sua memória os guardou
    Cujo o lugar jamais esqueceu!

    Águas estagnadas sem rumo,
    Na terra tantos lugares vazios
    De tanta tristeza presumo
    Que seus lábios estejam frios!

    No silêncio poema escrito,
    Poetisa Rosa Solidão
    Na primavera campo florido
    Sonhadora da paixão!

    Desejo fim de semana com paixão
    Para mulher apaixonada
    Características da razão
    Lá nos campos de madrugada!

    Um beijo,
    Eduardo.

    ResponderEliminar
  24. Querida Sonhadora

    Um poema grandioso onde, me parece, não ficou nada por dizer, de silêncios, de dores, de solidão, de desilusões... Tudo numa toada como só a Rosa sabe fazer.

    Beijo

    Olinda

    P.S. Amanhã espero-a no Xaile de Seda. Apareça! :)

    ResponderEliminar
  25. Que silêncio forte!
    Que nunca consiga silênciar tua inspiração.

    Adorei Rosa

    Beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  26. Oi Rosa! Passando para agradecer e retribuir a tua amável visita, assim como, apreciar este belo poema, com ênfase para a estrofe abaixo:

    Beijos,

    Furtado.

    ResponderEliminar
  27. "Os desgostos da vida ensinam a arte do silêncio."

    Beijo.

    ResponderEliminar
  28. Cada um que sabe da própria dor. Seu poema descreve bem.

    beijo

    ResponderEliminar
  29. minha querida

    doce noite flor.


    beijos com carinho!!

    ResponderEliminar
  30. No mais profundo silencio encontramos com nossas mais teriveis visões,assim sem ornamentações e vestimentas, muitas vezes nossas verdades nuas e cruas.Mas há sempre uma manhã que venha nos tirar deste estado de desilusão e recria a alegria no coração.Poesia forte minha amiga,mas sempre bem construido. Meu abraço carinhoso de paz e luz que desejo ilumine cada dia seu.Beijo.

    ResponderEliminar
  31. O silêncio muitas vezes é sábio... outras não.

    Um beijo.

    ResponderEliminar
  32. Amiga,
    Às vezes o silêncio é a maneira mais certa de falar. Um silêncio oportuno fica a melhor palavra.
    Depois duma pausa, voltei para te deixar um beijo e muitos carinhos.

    ResponderEliminar
  33. Olá, Rosa. Só posso dizer, belo... O silêncio diz tudo. Vc é maravilhosa amiga!!! Obrigada sempre. Beijinhos e bom domingo repleto de luz!

    ResponderEliminar
  34. Querida Sonhadora
    Fiquei dominado sobre o silêncio Que enobrece sua poesia
    Oxalá que seus desejos sejam iluminados pela eterna primavera.
    Bjs carinhosos

    ResponderEliminar
  35. Querida, na vida sabemos nós que nem sempre nossas ilusões e nossos sonhos podem ou são realizados, mas os sentimentos que a alma abriga ah! estes emocionam, acariciam, machucam e deixam suas marcas.Lindo teu poema!
    Bjs no coração Eloah

    ResponderEliminar
  36. e mesmo assim..sabemos tão pouco..

    bjs.Sol

    ResponderEliminar
  37. Seus poemas sempre me comovem, me encantam...percebo um imenso amor contido neles...

    ResponderEliminar
  38. Silêncio que diz tudo!
    Bejim e um otimo final de semana!

    ResponderEliminar
  39. Uau!

    Que triste (mas tão lindo), saber!

    Um beijo bem afetuoso pra você, amiga.

    Tenha uma belíssima semana.

    PAZ & LUZ!

    Cid@

    ResponderEliminar
  40. Aprendemos a cada dia mais, um sentido para nos superarmos. Um abraço, Yayá.

    ResponderEliminar
  41. Oi sonhadora linda!
    vens como eu de alguma dor e os poemas saem a solidão, bonitos tristes e romanticos.
    felizes dias e muitos abraços meus

    ResponderEliminar
  42. Estimada e Brilhante Poetiza Amiga:
    Mais um delicioso poema de amor futo do seu talento poético mágico e sublime. Perfeito.
    Divaga com intensidade e beleza pelos seus versos de fascínio e maravilhar.
    Parabéns. É genial.
    Beijinhos amigos de pureza que a respeita.
    Sempre a estimá-la, imenso.
    Agradecido pela sua ternura no meu blog.

    pena

    Bem-Haja, amiga.
    Adorei. É fabulosa.

    ResponderEliminar
  43. Bom dia Rosa

    Lindo poema...
    Perfeito em cada letra...

    Beijos e um domingo maravilhoso pra você.
    Ani

    ResponderEliminar
  44. A arte do silêncio é uma grande
    arte. Beijinho amiga, bom domingo.
    Não é para já que vou a Guimarães,
    talvez mais próximo da Páscoa. Ando
    em exames médicos e o meu marido
    também vai ser sujeito a uma pequena
    intervenção cirúrgica, por isso tenho que esperar tempos mais calmos.
    Mas há uns anos bons que não vou a
    Guimarães.
    Bj.
    Irene

    ResponderEliminar
  45. Dia de domingo é dia de visitar as pessoas queridas...por isso que venho trazer um afago para deixar teu domingo mais iluminado,,,
    Poetar lindo!!!!!!!!!!!
    bjs de de dia de domingo!

    ResponderEliminar
  46. Dia de domingo é dia de visitar as pessoas queridas...por isso que venho trazer um afago para deixar teu domingo mais iluminado,,,
    Poetar lindo!!!!!!!!!!!
    bjs de de dia de domingo!

    ResponderEliminar
  47. Minha querida já tanto se falou aqui de você que as minhas palavras só vem atrapalhar tudo, eu apenas lhe digo que você é aquele ser que apetece guardar no nosso coração e não mais deixar que fuja dele. Sempre que aqui venho me martirizo imenso pois tem tanto a ver comigo que fico sempre calada e pensando ver-me partir assim como uma pomba que voa sem ter destino marcado.
    Beijinhos de luz e muita paz no seu coração...

    ResponderEliminar
  48. Tanta sensibilidade e beleza nas tuas palavras,no teu sentir!
    Leio-te e,em muitos dos teus poemas,
    "vejo"sentimentos meus que ñ sei expressar...
    Beijo.
    isa.

    ResponderEliminar
  49. 'Sei do silêncio'
    ...da carícia no tempo esquecida
    ...da rosa seca na mão
    ...da Primavera perdida
    ...da desilusão'

    Maravilha minha amiga..Está tudo aí

    Beijo

    ResponderEliminar
  50. OI munha linda!!!
    Comos sempre lindas palavras.
    BJo no coração.

    http://umcantonocoracao.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  51. Já eu...sei que você escreve com o coração na boca...com a alma preenchida de sentimentos
    Que assim seja sempre...
    Um abraço na alma...
    Beijo

    ResponderEliminar
  52. Rosa querida, esse teu poema é o mapa de todos os territórios incompletos, o que escondemos dos aventureiros, sob o tecido da memória, uma tradução das nossas terras.
    Bom estar aqui e te ler.
    Bj grande, poeta

    ResponderEliminar
  53. Silenciosamente lindo este escrito... puro encanto. Olá minha doce amiga Vim te convidar a participar das brincadeiras pelo aniversário de 2 anos de renascimento da minha Ilha. O convite está acima das postagens e basta dá um clic que serás levado a festa. Temos 2 brincadeiras e a grande festa dia 13 de fevereiro. Te espero lá. Beijos no coração ♥ ♥ ♥ que tenhas um domingo de luz e sorrisos!

    ResponderEliminar
  54. Um belo domingo pra ti minha amiga e uma semana repleta de poesia e paz...beijos e beijos.

    ResponderEliminar
  55. Minha querida amiga Rosa, ambas sabemos do rio que corre...e do
    «Sei do nada que sobrou dos sonhos...do tempo infinito
    Dos caminhos onde me perdi...do mar onde naufraguei
    Das mãos que seguram farrapos...da solidão que grito
    Das ilusões que a noite matou...dos desejos que calei». Toda a tua poesia, é de uma sensibilidade que entra em nossa alma. Maravilhosa.
    Um bom domingo para ti, beijinho amigo e uma flor.

    ResponderEliminar
  56. "Sei das flores que o vento acariciou"

    Um saber maravilhoso, este!
    O tempo da bonança que precede o tempo da tormenta. Mas não é também a tormenta prelúdio de acalmia?

    Um beijo

    ResponderEliminar
  57. Querida Rosa,
    A alma sabe de silêncios que você descreveu perfeitamente!
    Lindo poema.
    Gd beijo

    ResponderEliminar
  58. O silêncio também alimenta a alma e a prova disso é este belo poema!
    Beijo carinhoso
    Graça

    ResponderEliminar
  59. ler seus poemas é o mesmo que viajar nas lembranças!!
    beijo

    ResponderEliminar
  60. Venha ajudar-me a pedir perdão. desvende os meus segredos

    http://escondidinha08.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  61. Silêncio e desilusão
    e sempre tanta dor, amiga e doce Rosa.

    beijo

    ResponderEliminar
  62. Minha Linda,

    Que lindo!

    Voce sempre falando pro mundo das suas dores, dos seus sentimentos.

    E ate no silencio, grita o sorriso, dos dias e noites, inverno e verão do seu coração.

    Beijos

    ResponderEliminar
  63. Olá Rosa,conheci seu blog por outra amiga,sou professora, e gostaria de fazer um pedido para que me ajude indo no link abaixo e deixando um recadinho.Estou concorrendo com o meu texto:"Transformando um Sonho em Realidade" no concurso Educação Nota 10 do Globo.
    A seleção acontecerá agora no dia 30/01/2012.
    Por favor, visite o link e deixe um comentário por lá.
    Será que vc pode me dar uma força?
    Conto com a sua ajuda!
    Qualquer problema, postei também o link no post do meu blog, é só ir lá e clicar (http://ler-com-prazer.blogspot.com).
    Obrigada!Paz e Luz!

    Esse é o link:
    http://www.educacao10.syncmobile.com.br/?p=576

    ResponderEliminar
  64. Um poema belo, mostrando todos os sentimentos que nos assolam em cada dia...alegrias, dores, tristezas, desilusões, mas também os encantos das flores, das árvores despidas; silêncios...sorrisos...amores. Uma vida é assim...cheia de contradições. Belo como sempre, Rosa! Um beijinho e uma excelente semana, cheia de sol, pelo menos nos corações.
    Emília

    ResponderEliminar
  65. Vc Rosa é um linda poetisa...

    Bom dia amiga.

    beijooo.

    ResponderEliminar
  66. Querida Rosa!

    Só você para transformar esta dor, esta tristeza em tanta beleza!!!!
    Bravo minha querida!!!

    Beijos!!!Tudo de bom!!

    ResponderEliminar
  67. Amiga Rosa,

    O silêncio é a resposta para muitas perguntas. Assim ele pode calar os gestos. Já a ânsia de viver pode preencher no silêncio dos nossos pensamentos.
    Adorei! Muito lindo!
    Tenha uma ótima semana!
    Beijos.

    ResponderEliminar
  68. Minha querida,

    O silêncio sabe-se necessário e pontual. Depois dele há a possibilidade de sorrir.

    Beijo,
    I.

    ResponderEliminar
  69. Tens um talento único minha querida, que bela inspiração encontro em seus versos...
    Beijinhos e boa semana amiga,
    Valéria

    ResponderEliminar
  70. Sabes, sois tu que lhes conhece bem a razão. Esse tempo de que fala, rodando em ciclo, vivendo da estação, mas em cada marcha há mudança, ainda que flores secas nas mãos, no solo a semente se prepara a despontar em coração...

    Sou tua fã incondicional
    Já te disse isto?
    Então guarda o meu escrito
    e com a minha lanterna as claras, fica atenta minha querida, o universo te segura as mãos...

    Meu carinhoso abraço de sempre a te aplaudir...

    Bjs

    Livinha

    ResponderEliminar
  71. querida!

    Sempre que venho no seu espaço é tão gratificante.
    passei o dia a procurar
    o que eu tinha a me falar,mas só entendi depois que li o seu poster!

    ResponderEliminar
  72. Rosa, e sabe tb nos encantar e comover com tão belos versos de seu coração!Eu amei!Bjs,

    ResponderEliminar
  73. Um mar de palavras jorrando grandes sentimentos. Muito bonitos os versos.
    Beijos e ótima semana.

    ResponderEliminar
  74. É no silêncio que descobrimos muitas coisas por vezes importantes nas nossas vidas. Mais uma linda poesia querida amiga, com a sensibilidade a que já estamos habituados.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  75. Sabe e escreve de sentires... que a nós chegam em poesia lindíssima.

    Beijinho minha amiga
    cvb

    ResponderEliminar
  76. Querida amiga


    E quanto mais
    sabemos dos nossos silêncios,
    me assusta saber
    que mais há de se descobrir
    em nós...


    Que a chama da alegria
    esteja sempre acesa em ti.

    ResponderEliminar
  77. Ah, Sonhadora!
    Ninguém sabe nada do silêncio e dos mistérios imensos da vida...Mas tu corres esse risco nos teus versos de fogo.

    tens o meu abraço carinhoso.

    Véu de Maya

    ResponderEliminar
  78. Querida, o silêncio pode falar muito mais do que qualquer palavra!
    Bravo para sua inspiração! Lindo!

    ResponderEliminar
  79. Rosa,

    Seus versos são intensos, possuem o espinho que machuca o coração mas contém o perfume que inebria a alma.bjs e continue a jorrar essa beleza diante de nossos olhos. bjs

    ResponderEliminar
  80. realmente compartilhamos do mesmo saber,com a unicas diferença que no meu caso esse conhecimento se tornou meio vago,inocente e ausente pelo fato de amar sozinha.bjks

    ResponderEliminar
  81. Por vezes trago o silêncio comigo e confesso que ele me revela coisas que os ruídos me cegam...
    Abraços, florzinha!!!

    ResponderEliminar
  82. Enquanto viveres,
    pertences à terra!

    Só partes, quando chegar o final do teu tempo...não antecipes a partida!

    Eu ainda estou no Brasil, mas penso voltar e o mais complexo vai ser a viagem.

    Mas encontro muitos amigos na despedida e pergunto - que faço eu
    no mundo virtual, quando a saúde é tão pouca?

    Será que ainda aqui estou, ou me parece que estou?

    Lindos teus versos,

    Abraço,

    M. Luísa

    ResponderEliminar
  83. As vezes, é bom silenciar. Outras tantas, é melhor silenciar, a Alma, senão ela canta e chora.
    Belissima, postagem
    Como sempre avassaladora.

    ResponderEliminar
  84. Sei que, mais uma vez amei a sua escrita...
    Minha amiga, é pela falta destas leituras que tanto me custou estar este tempo todo ausente!!!
    Mas, a partir de agora já posso voltar novamente para junto de vocês!
    Beijo amiga, como sempre adorei...

    ResponderEliminar
  85. Mudei de casa...:) serás bem vinda!


    Beijos!
    AL

    ResponderEliminar
  86. Mas também sabes, talentosa poeta dos versos lindos, mas tão tristes, que:
    - depois do inverno chega sempre a primavera.
    Sabes, não sabes?
    Deixo-te um beijo

    ResponderEliminar
  87. E sabes fazer poesia como poucos.
    Excelente, gostei imenso, como sempre.
    Beijo, querida amiga.

    ResponderEliminar
  88. Talentosa madrinha ..
    Me perdoa demorar vir até seu blog aqui nada esta bem mais vou lutar e vencer.
    Beijos te amo muito.
    Sua afilhada..Evanir

    ResponderEliminar
  89. Não sei comentar poesia. mas sei que gostei deste poema e que foi um dos melhores que me foi dado ler ultimamente.
    Um abraço e tudo de bom para si.

    ResponderEliminar
  90. Meu Deus, depois de 93 comentários o que me resta para dizer?
    Que adoro tudo o que escreves, que sinto toda a emoção que vais derramando nos teus versos.
    Sou um seguidor que ama a tua poesia,
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  91. º°º°❤ Amiga, agora já são 94 comentários...
    °º✿ Eu também adoro tudo que escreves... sua poesia é triste mas é emocionante e emocionada.
    º° ✿ ✿ Beijinhos.
    ❤ Brasil.
    °º✿
    º° ✿

    ResponderEliminar
  92. "As mais lindas palavras de amor são ditas no silêncio de um olhar."
    (Leonardo da Vinci)

    ResponderEliminar
  93. Estava com saudade das suas letras moça. Poema lindo e forte.

    BeijooO*

    ResponderEliminar
  94. Oi Sonhadora,

    "As vezes sinto algo tão somente feito de silêncio, como se eterno o silêncio fosse...". Particularmente gosto muito do silencio, apesar de as vezes conter muito barulho!

    Como sempre me "machucam" tuas palavras. Porque não são apenas elas e sim sentimentos.

    Beijo mulher linda!!

    ResponderEliminar
  95. Traze-me um pouco da tua lembrança,
    aroma perdido, saudade da flor!

    Bom dia e beijos perfumados prá voce! M@ria

    ResponderEliminar
  96. Minha querida, sabemos de tantas coisas e por vezes nada sabemos...
    É quando nos entregamos a essa solidão, e buscamos por outras luzes novas inspirações.
    Você sabe onde encontrá-las e aqui lhes retira o véu, para nos presentear feito jóias sublimes.
    Um murmúrio angelical.
    Um abraço, e um beijo do amigo e leitor.

    ResponderEliminar
  97. Saber esse, que doi no peito.
    Beijito.

    ResponderEliminar
  98. A gente sempre sabe...

    É maravilhoso te ler, Rosa.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  99. Boa noite!

    Com licença,

    Seu blog é show!

    E se me permitir estarei sempre por aqui.
    Sou novato nesse negocio de blog ,mas deixo
    Um convite para conhecer o meu canto!



    http://confissoesdomalandro.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  100. sei do sorriso que ficou em mim depois de ler o teu texto.
    a-do-rei!
    abraço.

    ResponderEliminar
  101. Rosa

    A intensidade com que gritas o teu Poema, diz da intensidade como vives.
    A Alma sempre se encontrou nos silêncios, nos sorrisos, nas águas,nos sonhos e nas flores.
    Tu, Amiga, por ali andas.

    Beijos

    SOL
    Élio

    Bela referência Histórica duma época em que fotografar começava a ser popular.
    As fotos testemunhas os acontecimentos e, posso afirmar, estão magníficas.
    Parabéns, também, pelo texto que as acompanham; torna tudo mais esclarecedor.

    Abraços

    SOL
    http://acordarsonhando.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  102. Minha querida sorri, porque quem escreve assim só pode sorrir,



    um beijo

    ResponderEliminar
  103. Tens uma surpresa no http://asombraquemepersegue.blogspot.com/
    Mais conhecido pelo Sombra.
    Desde já peço desculpa se o que "escrevinhei" não for do teu agrado:)!
    Bjo

    ResponderEliminar
  104. Lindo.
    Gostei particularmente deste verso:
    «Sei do silêncio preso no olhar...da carícia no tempo esquecida».

    Beijinho minha amiga

    ResponderEliminar
  105. Parto, esmagado
    A poesia intensa esmaga
    pois teus saberes de ti
    traduzem uma enorme ignorância de mim

    Passo-te rente, roço a tua pele, sinto o teu hálito e o odor e o eco de tuas palavras desesperadamente belas... mas nem um gesto teu para me limpar a lágrima que me escorre da face.
    É que eu, poeta
    Também sei do silêncio que cala os teu gestos
    Também sei da mulher que vagueia sem rumo
    Também sei das flores que o vento acariciou
    Também sei da negrura que cobre o dia...
    Também sei do nada que sobrou dos sonhos...
    Também sei das águas estagnadas...
    Também sei das mãos onde naufragaram carícias...
    Também sei do sorriso que grita o silêncio...
    Também sei do meu corpo a entardecer...
    Também sei do silêncio preso no olhar...
    Também sei da árvore despida...

    Mas... olha em redor, poeta,
    Olha como te cerca a vida
    Olha para mim
    Isso!
    Assim!

    ResponderEliminar
  106. Sei das águas estagnadas que inundam o peito de quem sofre mas ama, e sei das flores desfolhadas no inverno da vida. sei...Sei tão bem minha querida cada palavra tua ecoa em mim como uma tempestade que sei de cor. Lindo, lindo como só tu sabes.

    Beijo imenso Rosinha

    ResponderEliminar
  107. Rosa tua solidão inspiradora é um belo poema.
    Tão profundo e pleno quanto a leveza da brisa.

    Beijinho amada

    ResponderEliminar
  108. Lindo!
    Desejo a voce amiga uma linda e muito abençoada semana, que esta seja realmente muito muito feliz!
    Abraço Amigo
    Maria Alice

    ResponderEliminar
  109. O mistério da maneira como usa
    as palavras...e o sentir, com a
    ânsia com que vive...
    Não pode haver só folhas mortas...
    Só desilusão...
    Quero acreditar que não.
    Beijinho/Bom fim de semana.
    Irene

    ResponderEliminar
  110. Sei que tua poesia é linda demais querida...

    Beijos!!

    ResponderEliminar

Amigos são velas acesas ao fundo da escuridão
alumiando o caminhode volta...a presença doce e
serena numa noite de tempestade...são o abraço
suave da vida...palavras ditas muitas vezes em
silêncio aquecendo a alma e o coração.

Um beijinho carinhoso a todos que por aqui passam.
Sonhadora