BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Horas mortas da madrugada...


É nas horas mortas da madrugada...que uma lágrima cai
Que o vento beija o meu corpo...que uma pétala morre
Que a noite anúncia a penumbra...onde o sonho se esvai
É nas horas mortas da madrugada...que a dor me percorre

É nas horas mortas da madrugada...que meu corpo voa errante
Que arde e sangra...ecoando acordes insanos...rasgando a noite
Chorando a vida...nas asas negras do vento...num grito lacinante
É nas horas mortas da madrugada...que vejo a sombra da morte

É nas horas mortas da madrugada...que me desfaço em pedaços
Que me escrevo e reescrevo...me rasgo...que me viro do avesso
Que sou um mar agitado...que danço uma valsa nos meus braços
É nas horas mortas da madrugada...que te lembro e me esqueço

É nas horas mortas da madrugada...que guardo a noite no peito
Que a minha alma se perde...se desnuda se sepulta...se entrega
Que é saudade e ternura...que os fantasmas se deitam no meu leito
É nas horas mortas da madrugada...que o vento me prende e leva

É nas horas mortas da madrugada...que a ausência sangra no corpo
Que se embriaga de desejo...que o desengano o veste de ilusão
Que se esquece...envelhece e anoitece...apagando a vida num sopro
É nas horas mortas da madrugada...que vejo a sombra da paixão

É nas horas mortas da madrugada...que sou o silêncio duma prece
Que as minhas mãos vazias te prendem...a minha alma te abraça
Que os meus olhos têm a cor da noite...a noite que não amanhece
É nas horas mortas da madrugada...que a dor em mim se enlaça

RosaSolidão

106 comentários:

  1. Talvez, no que chamas de "horas mortas" da madrugada, é que aproximasse a simplicidade do Sublime Amor.
    Amei a sua poesia
    Avassladora
    Parabens

    ResponderEliminar
  2. Belas palavras

    Das pequenas coisa as grandes coisa.

    Beijos
    Estou contigo porque gosto muito de ti... um beijinho com muita ternura

    ResponderEliminar
  3. Se todas horas mortas fossem lindas assim...beijos,ótima semana!chica

    ResponderEliminar
  4. Queria amiga, consegues fazer das horas que dizes "mortas" linhas poéticas cheias de vida... que tenho certeza ficarão para sempre eternizadas no tempo...
    Mais um belo poema Teu!
    Aproveito para te dar os parabéns pelo sucesso!! Está gostando? Acho que sim! Fico feliz em saber que és muito querida e admirada por todos!
    Um grande abraço de muita paz e muita luz! Rosana
    Ah, uma semana feliz e abençoada!

    ResponderEliminar
  5. Rosa

    É na madrugada que tu és saudade, tristeza, nostalgia e soluço de dor.
    Mas, é nas horas mortas da madrugada que tu és vida em poesia.
    Agradeço o teu carinho, todos os dias.

    Mil beijos

    ResponderEliminar
  6. Rosa,
    A intensidade das horas mortas da madrugada é tal que, vai desculpar-me, parecem-me horas bem vivas.
    Gostei muito!

    Beijo :)

    ResponderEliminar
  7. Minha querida Rosa, e é nessas horas mortas da madrugada que a gente sente necessidade de viver uma grande paixão.

    Linda tua poesia.

    Beijos com carinho enorme no teu ♥

    ResponderEliminar
  8. Minha Rosa Rainha como é bom te ler,um grande beijo de boa semana!

    ResponderEliminar
  9. É... nas noites e madrugadas que o coração se mostra com sua beleza e suas carências.Lindo poema amiga.Amei! Luz no coração bjs Eloah

    ResponderEliminar
  10. Boa noite...amei tua poesia, mas e sofrida, ai gosto mais ainda...nas madrugadas mortas, me despi de tua alma e me elevei a tua altura sob nuvens e estrelas...olhei para baixo e percebi...voce la deitada, ou melhor, eu deitada, pois minha alma se esvaiu e partiu...morri! Me empolguei...bjin

    ResponderEliminar
  11. Nas horas mortas tem vida. Um abraço, uma ótima semana.

    ResponderEliminar
  12. Bom alvorecer minha linda e amada!
    Escrita sofrida por trazer a dor das horas mortas...que se torna uma melodia...
    Bjssssss

    ResponderEliminar
  13. No silêncio das horas mortas da madrugada, dá-se o grande encontro do "eu" "comigo" mesmo... Faz-se grandes exames de consciência, acrescenta-se ao outro e nele se completa! Horas eternas!
    Abraço de madrugada!!

    ResponderEliminar
  14. E que belas horas mortas, fonte de uma incrível inspiração! Bjs

    ResponderEliminar
  15. Nas horas mortas da madrugada todos os pensamentos se transformam, todas as ilusões se transfiguram, todas as tristezas nos visitam...
    Bj

    ResponderEliminar
  16. a sublimação dos afectos em horas que até chronos desconhece. ou não fosse o amor e seus matizes o próprio tempo.
    beijinho!

    ResponderEliminar
  17. horas da madrugada..
    tão mortas pra uns, mas tão vivas pra outros..
    belo e emocionante poema, como sempre!

    bjs.Sol

    ResponderEliminar
  18. Nessas horas mortas tantas e tantas coisas nos diz a madrugada,,,com sua escuridão plena ela nos mostra tanto,,,nos dá tantas cores diferentes pra refletir....grande beijo de bom dia pra ti querida.

    ResponderEliminar
  19. delicias essas horas de sonho......


    obrigado minha querida


    dia feliz e doce noite..


    beijos!!!

    ResponderEliminar
  20. Linda Sonhadora! Que lindos versos, me fez sentir também as minhas "horas mortas da madrugada" que realmente são angustiantes, muito angustiantes, nos aproxima da realidade de que um dia morreremos e fica tão forte que até achamos que estamos mesmo morrendo!!!
    Abraços e beijos em seu lindo coração!
    Ivone
    "Poemas sem peias" e "levitar em brancas nuvens"
    henristo.blogspot.com

    ResponderEliminar
  21. É nas horas da madrugada que vc poetisa escreveu mais um belo poema.

    Vc é especial.

    Fique com Deus.

    beijooo.

    ResponderEliminar
  22. Minha querida, aqui estou eu mais uma vez para te ler...

    Mas também para te agradecer o carinho das tuas palavras.

    Beijinho!

    ResponderEliminar
  23. as horas mortas das madrugadas são por vezes assim.

    um poema muito nostalgico.

    boa semana!

    beijinho

    ResponderEliminar
  24. É nas madrugadas que mais se ouvem gritos, de versos aflitos...

    Beijos&Carinhos.

    ResponderEliminar
  25. e nas horas mortas da madrugada vc se inspira...e dai escreve esses versos de beleza impar...


    meu carinho Rosa querida...


    Zil

    ResponderEliminar
  26. Mais um lindo poema, querida amiga, onde a tua sensibilidade imerge...

    Beijinhos de carinho e amizade.

    Mário

    ResponderEliminar
  27. amiga e poetisa do Monte da Lua.

    nessas horas em que o silêncio se faz, as palavras ganham a vida que só tu lhes consegues dar.

    beijo e kandandos meus...

    ResponderEliminar
  28. É nessas horas altas da madrugada que explode o que sentimos.

    Amargas madrugadas!

    Beijo

    ResponderEliminar
  29. Brindas-nos com mais um excelente poema... embora amargo:)!
    Bjo

    ResponderEliminar
  30. Descobri teu blog através da sala de chá da Rosana Souza, e vim ver a magia das tuas palavras. Parabéns. Adorei e voltarei mais vezes.

    Abraço

    Runa

    ResponderEliminar
  31. Nos poemas e luares, refletem tua alma nostálgica...
    Amiga Sonhadora, de onde vem tanta inspiração?
    Vêm de uma alma plangente, tal Fado entoando em um coração dolorido?
    Não quero divagar sobre este cântico lutuoso, quero apenas sentir, tua alma a cantar.
    Um abraço afetuoso, minha estima e admiração.
    Um beijo do amigo.

    ResponderEliminar
  32. Rosa minha querida
    As horas mortas e a solidão já foram a minha única companhia a que fiquei muito grata por nunca me terem abandonado.
    Um beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  33. Seu poema é lindo,a ele vou escrever meu pequeno comentário.

    Na madrugada,
    Ou a qualquer hora
    Cai uma lágrima
    Dos olhos de quem chora
    De uma pessoa apaixonada
    Que não seja correspondida
    Numa triste madrugada
    Da noite, por amor perdida.

    Uma boa noite para si,
    Um bejo
    Eduardo.

    ResponderEliminar
  34. Nas madrugadas que a mentira vira verdade. Adorei.

    Abraço.

    ResponderEliminar
  35. Querida amiga

    É nas horas
    vazias da madrugada
    que a solidão
    nos abraça
    com a sua plenitude...

    Viver é sentir os sonhos
    com o coração.

    ResponderEliminar
  36. O seu carinho é tão contagiante,
    que se eu estiver me sentindo triste,
    suas mensagens sempre conseguem me animar.
    A sua amizade é importante para muitos,
    e principalmente para mim.
    Só o fato de você existir já é motivo de alegria
    Obrigada pela paz que você transmite,
    e pela luz que irradia do seu coração.
    Beijos no seu coração,Evanir...

    ResponderEliminar
  37. Oi Rosa! Passando para agradecer a visita e o comentário, assim como, apreciar mais uma das tuas belas poesias.

    Beijos e ótima quarta-feira pra ti.

    Furtado.

    ResponderEliminar
  38. E é nas horas mortas que se encontra motivações para viver e reviver a poesia...
    Lindo demais minha amiga!!!

    Tua amizade tão pura
    Ilumina meu céu...
    Acorda a aurora, faz minha vida raiar
    Leva embora a tempestade
    E meu Sol volta a brilhar!

    Beijos mil pra ti!
    Suelzy

    ResponderEliminar
  39. Horas vagas tão cheias de solidão.
    Beijos e boa noite querida!
    Que música bela!
    Carla

    ResponderEliminar
  40. Querida Rosa,

    Horas sofridas expurgadas em belos versos de saudade e solidão.


    Beijos com carinho e linda noite doce amiga.

    ResponderEliminar
  41. Triste e bela a poesia que escreves! Não importa se é triste ou não e sim a beleza da mesma! Beijo

    ResponderEliminar
  42. Horas de pura reflexão e entrega aos mais lindos versos na inspiração que faz lindos poemas.
    Fique bem,cuide-se.
    Um abração terno.
    Bju de luz nos seus dias.

    ResponderEliminar
  43. Tua presença é constante
    a saudade permanente;
    vejo-te nas estrelas
    sinto a tua luz...

    Marisa de Medeiros

    Amor & Paz prá voce! M@ria

    ResponderEliminar
  44. NO SÉ AMIGA, PERO A VECES SIENTO QUE USTED CUANDO ESCRIBE ESTOS TEXTO, LO HACE LLORANDO. LA SIENTO ASÍ.
    BESOS

    ResponderEliminar
  45. olá tenha um maravilhoso dia na presença de Deus. bjs

    ResponderEliminar
  46. Mas o silêncio da madrugada...tráz tambem as pinceladas claras, douradas e azuis, de um novo dia!
    Mil beijos
    Graça

    ResponderEliminar
  47. Quando a dor em vida te enlaçar em noites essas,poeta amada amiga pessoa,lembre de semear tuo, da doação e entrega,que por toda vida cultivaste, à deriva até teu barco deixando,para o dos outros aportar em segurança e dedicação,tu és poeta,mulher e de Calcutá madre,espiritual filha,entregue-se a viver teu,a maneira com que Gaia projetou,guerreira menina querida minha e de Victória minha esposa,que te lê e sorve aussi!

    amote pessoa linda

    viva la vida

    ResponderEliminar
  48. Olá querida Rosa!!!

    Belíssima poesia!!!Vertem sentimentos com plena intensidade!!!!
    Beijos pra ti!!!
    *Mas desejo que algumas destas horas mortas, lhe tragam felicidade!

    ResponderEliminar
  49. Nas horas mortas da madrugada, o silêncio mostra-nos o abraço, e a alma voa naquele sonho que nos faz imaginar e querer o que talvez não tocamos, ou se o fazemos é ténue e talvez se perca na poeira do caminho.
    Sabes amiga eu voo...Agarro as asas da minha Garça e parto abraçada ao sonho...
    Teu poema é tão belo que me fez divagar, no embalo da bela e bem escolhida musica.
    Bom ler-te...

    Com amizade

    Bjgrande do Lago

    ResponderEliminar
  50. Lindo poema, Sonhadora! Parabéns pelo blog!

    ResponderEliminar
  51. Rosa
    As "horas mortas da madrugada" podem bem ser horas de vida em pleno!
    E... mais um belíssimo poema-desafio à esperança!
    Beijinho
    Quicas

    ResponderEliminar
  52. Passo pra deixar meu carinho e desejar uma ótima semana.

    O tanto de sensações povoam a mente e o coração em horas mortas da madrugada. Gostei demais dessa parte: "guardo a noite no peito".

    beijinhoss♥

    ResponderEliminar
  53. Mesmo que o choro dure uma noite inteira é a certeza de que a alegria vem pela manhã que faz o coração ficar tranquilo.Diz para ele:O sol virá.Quem sabe assim você encontre somente sorrisos.
    Beijo no coração.

    ResponderEliminar
  54. Eu não comento os teus poemas, eu venho alimentar-me com todos os sentimentos que aqui nos deixas.
    Julguei que não seria possível, mas é verdade, cada dia gosto mais.

    ResponderEliminar
  55. Aqui busco as palavras comprimidas em poemas...Sentimentos, puros extravasados.
    Lindo!
    Bjos achocolatados

    ResponderEliminar
  56. Passei para te deixar um beijinho e deliciar-me nas tuas palavras carregadas de sentimento ;)

    ResponderEliminar
  57. Oi minha amiga querida !
    Te convido para dá uma passadinha no blog do meu amigo e ver o acróstico que Regininha fez prá ele.Deixa teu comentário lá para ela se sentir feliz.É uma menina que precisa do nosso incentivo para ver se aparece alguém que dê força para ela escrever seu livro.
    http://pedrofransilva.blogspot.com

    ResponderEliminar
  58. Adorei os olhos da cor da noite....

    Passando pra deixar um beijinho....

    ResponderEliminar
  59. Olá minha querida,
    É sempre na madrugada que a dor e a solidão machucam nossa alma, mas também é nesse momento que os versos
    brotam encantadores.
    Lindo!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  60. Rosa querida!
    obrigada pelas palavras carinhosas que deixaste no Blogue Um farol Chamado Amizade, ao referir-se ao meu Blogue Lusofonia Poética.
    Gostei muito.
    Beijo carinhoso,
    Mara

    ResponderEliminar
  61. Chorar é como lavar a alma,
    pode ocorrer por vários motivos,
    quando se é do coração é pura e verdadeira.
    É bom quando algo ou alguém nos prende a
    atenção por segundos como a lua, é um ser que encanta.
    Gostei, o amor é: "Amor é carinho, é ternura,
    é ação...É sentimento que vira canção."
    Deus é a mais pura essência do amor,
    cabe a nós aprender com Ele a amar de verdade.
    Bjs, abençoada noite,
    obrigada pelo carinho de tuas palavras em meu blog.
    E agradeço a Deus for você existir e presentear-me
    com sua amizade tão valoza para mim.
    Obs:A mensagem que vós deixo é de um amigo
    que deixou para mim.
    Só acrescenteu as ultimas palavras..

    ResponderEliminar
  62. olá querida!

    Simplesmente MARAVILHOSO!
    A mim só cabe agradecer
    por essa obra maravilhosa!


    um abração|!

    ResponderEliminar
  63. Na madrugada...também se pode
    viver intensamente no silêncio...
    falando connosco próprios...
    Na madrugada...tudo pode ser
    possível...até viver o passado
    e imaginar o dia seguinte.
    Eu já nem repito que escreve mtº.
    bem - é tão notório -. Beijinhos

    ResponderEliminar
  64. Querida Sonhadora

    E, nas horas mortas da madrugada acontece poesia e a inspiração encontra a sua morada.

    Linda composição!

    Beijinhos

    Olinda

    ResponderEliminar
  65. Querida Sonhadora,

    Estas tuas horas de madrugada são tristes mas são maravilhosamente bem escritas !
    As minhas ? são cravadas no sono... ;)...com sonhos ? Não sei porque quando acordo, não me lembro de nada, a não ser que dormi... :)

    Um grande beijo amigo
    Verdinha

    ResponderEliminar
  66. Rosa,

    Lindíssimo este teu poema, de tantos quereres que se soltam de madrugada. É sempre no silêncio da noite que somos mais nós e desnudamos a alma.

    Adorei ler-te aqui e sentir a beleza de cada verso carregado de emoção e ritmo poético.

    Beijos

    ResponderEliminar
  67. Um dia todo lindo pra ti minha amiga,,,beijos e muita poesia pra ti.

    ResponderEliminar
  68. De onde vem tanta inspiraçáo, beijo Lisette.

    ResponderEliminar
  69. São essas horas que fazem sofrer o coração apaixonado e distante...
    Minha querida, tenha um dia tranquilo, com muito amor!
    Beijos e saudades...

    ResponderEliminar
  70. Horas mortas nas madrugadas
    O silêncio visita-nos num abraço
    O frio rega-nos os pensamentos
    E o amor nos despedaça em pedaços.

    Cada linha é um grito dessas horas que se repetem e nos apertam de sentimentos.........

    ResponderEliminar
  71. Lindo minha querida...é na madrugada que tantos sentimentos afloram e que sua sublime inspiração se faz em versos...beijinhos
    Valéria

    ResponderEliminar
  72. É nas horas mortas da madrugada...que sou o silêncio duma prece
    Que as minhas mãos vazias te prendem...a minha alma te abraça
    Que os meus olhos têm a cor da noite...a noite que não amanhece
    É nas horas mortas da madrugada...que a dor em mim se enlaça

    Que lindo!!!!
    Voce não tem horas mortas...

    Beijos

    ResponderEliminar
  73. Quantas vezes estamos tristes, desmotivados, meio perdidos ou até estamos passando por algum período de muito sofrimento. Coisas assim acontecem com todos, mas tenho algo a dizer para você. Não desista.Peça ajuda a Deus para que lhe guie e de sabedoria, porque Ele pode te ajudar quando você estiver triste e desmotivado. Peça a Ele para te dar mais força para você agüentar esse período difícil e para que não desista. Vamos, sei que você consegue. Fale com Ele.Estou em mudança em busca de meus sonhos vou ficar um tempo afastada mas volto logo. Deus abençõe vc bj no coração!

    ResponderEliminar
  74. Olá,
    Passei para visitar seu "Rosa Solidão" e já me instalei, muito acolhedor, tem um visual lindo e textos lindíssimos. Já sou seguidora.
    Convido você a visitar o meu Sapatinhos da Dorothy, se gostar se instale.
    Um abraço carinhoso,
    Sandra

    ResponderEliminar
  75. Querida amiga sonhadora.
    Mais um lindo e sentido poema, onde traduzes todo o teu sentir.

    Adorei ler!

    Beijinhos e uma linda noite!

    Mário

    ResponderEliminar
  76. Todas as madrugadas... todos os sonhos sonhados!
    (Amiga, peço-lhe desculpas pela minha ausência; só agora estou me recuperando da dor da perda de meu irmão, neste dia 13/08. A saudade é imensa, mas a dor é um pouco menor. Me desculpe o "copiar e colar", neste recadinho. Beijo grande, com saudade.)

    ResponderEliminar
  77. As horas mortas da madrugada são as mais vivas, minha amiga e as que nos faz sermos os mais produtivos em nossas divagações.
    Abraços e grata pelo seu carinho.

    ResponderEliminar
  78. Trazendo um beijo de boa noite!
    Bjssssssssssssssssss

    ResponderEliminar
  79. em todas as horas existem momentos mágicos, como o momento deste poema...

    ResponderEliminar
  80. Amiga seus poemas são de cristal puro dizer mais alguma coisa pode estragar, adorei como todos que aqui tenho lido.
    Beijinhos de luz e paz no seu caminho.

    ResponderEliminar
  81. Olá, amiga!

    Venho agradecer as suas palavras de incitamento.

    Bem haja!

    ResponderEliminar
  82. "Que sou um mar agitado...que danço uma valsa nos meus braços
    É nas horas mortas da madrugada...que te lembro e me esqueço" -escreveste estes versos tão belos. Como os outros. Embora muito tristes. Qd se irá embora essa tristeza, poeta dos versos tão lindos?

    ResponderEliminar
  83. "Que sou um mar agitado...que danço uma valsa nos meus braços
    É nas horas mortas da madrugada...que te lembro e me esqueço" -escreveste estes versos tão belos. Como os outros. Embora muito tristes. Qd se irá embora essa tristeza, poeta dos versos tão lindos?

    ResponderEliminar
  84. Boa noite amiga
    Nas horas mortas da madrugada, eu diria, renasceu mais um lindo momento, não de tormento, mas de serenidade coberto pela luz de um novo amanhecer coberto pelo calor da luz do Sol e do Amor do Nosso Criador!
    Mesmo nas horas mortas da madrugada, elas lhe deram força para criar mais este lindo e muito especial poema!
    Tenha um lindo fds coberto de muita paz e alegria!
    Abraço Amigo!
    Maria Alice

    ResponderEliminar
  85. Querida amiga sonhadora. Passei por este teu lindo cantinho, para te dar um beijinho e desejar-te um bom fim de semana!

    Mário

    ResponderEliminar
  86. Rosinha

    Vim agradecer o beijo, deixar um beijo e dizer-te que estou sempre à espera que haja mais horas mortas na madrugada para te inspirar.

    Meu carinho...meu beijo!

    ResponderEliminar
  87. Querida amiga Rosa,

    São nas "horas mortas da madrugada" que o poeta encontra a sua essência e com o seu Eu.

    Espero que estejas melhor de saúde e repousa o suficiente para que tenhas mais e mais inspirações como esta.

    Bom fim de semana, amiga.

    Beijinhos.

    Maria Valadas

    ResponderEliminar
  88. Mais uma joia que nos dá de presente, bjs e bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  89. "Amigo é assim...
    Um verso, uma canção...
    Um riso, um abraço.
    Um ombro.
    Uma irmão de Coração."

    Sirlei L. Passolongo

    BOM FDS E BEIJOS MEUS! M@ria

    ResponderEliminar
  90. ♥♫♪
    °º✿
    º° ✿✿♥ Olá, amiga!
    Passei para admirar sua poesia.
    Sempre muito bonita.
    Sempre muito triste.
    Bom fim de semana!
    Beijinhos.
    Brasil
    ♥♫♪
    °º✿
    °º✿✿♪♫° ·.

    ResponderEliminar
  91. Rosinha deixo um beijinho ,desculpa minha ausencia ..são mesmo por motivos profissionais

    Minha alma te abraça no silencio das horas mortas

    ResponderEliminar
  92. Eu adoro as horas mortas da madrugada, porque é quando deixo a alma se desprender do corpo e vagar por caminhos indecifráveis. Adorei seu espaço e voltarei sempre.



    Clustr Maps

    ResponderEliminar
  93. Me faltam palavras ,pra agradecer sua atenção
    comigo.
    Ser sua amiga é um presente de Deus na minha vida.
    Agradeço a cada uma de suas visitas todas
    elas me deixaram muito feliz.
    Que seja abençoada por Deus nossa amizade para sempre.
    Desejo um feliz final de semana beijos com infinita ternura e paz..
    Evanir..

    ResponderEliminar
  94. E tinha que ser nas horas mortas...Aqui da Madrugada ,Sonhadora!?
    Besito amiga bom fim de semana ;)

    ResponderEliminar
  95. Rosa,nessas horas que escreves essas belas poesias!Sempre maravilhosas!Bjs,

    ResponderEliminar
  96. Querida Rosa!

    Nas horas da solidão, quando faltam os aconchegos e os abraços, sai toda a emoção em forma de poema.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  97. Na madrugada é que tudo fica bem de novo!

    Lindo

    Beijos

    ResponderEliminar
  98. Sabe amiga,
    é nas horas da madruga que a gente se vê no vazio, deixa solto o pensamento a lamentar-se do frio.
    Ao dia estamos tão ocupados, que as horas passam sequer a perceber...
    O que nos resta nas noites pé dormir pedindo aos céus um ombro para nos aquecer...


    Lindo sempre teus versos.

    Feliz domingo

    Bjs

    Livinha

    ResponderEliminar
  99. Amiga Rosa é realmente na solidão da noite que as lágrimas ousam cair. Trazem as nossas magoas, a nossa dor, a nossa solidão, que de
    dia vivem escondidas dentro de nós.
    Bom domingo
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  100. Hoje passei e reli.

    Talvez amanhã...
    Quem saberá ?
    Acabe a Primavera
    Volte a chover...
    Talvez amanhã...
    Volte o Sol
    Renasça o amor
    Talvez amanhã
    Quem será quem virá...?

    ResponderEliminar
  101. Nossa amizade é um mundo de encantos,por isso temos que ter capacidade de amar infitinamente.
    Creia a amizade é um fio que liga nosso coração em qualquer parte do mundo.
    Só podemos ter certeza que não estamos passando pela vida inultimente se não perdermos a capacidade de amar.
    Sou muito feliz por ter sua amizade, é isso que me da a certeza de um amor lindo e incondicional.
    Uma abençoada semana!
    Bjs no coração.
    Evanir

    ResponderEliminar
  102. Querida sonhadora. Passei por este teu lindo cantinho, para reler este belo poema, e desejar-te uma excelente semana!

    Beijinhos carinhosos...

    Mário

    ResponderEliminar
  103. Querida Rosa, o verão está chegando para vc para que usufrua desta beleza do calor que existe muito aqui no meu hemisfério......

    Beijos do Zé Carlos

    ResponderEliminar
  104. "É nas horas mortas da madrugada...
    que a dor em mim se enlaça."

    E o mistério continua, contado em versos lindos e fortes...
    E o quadro que está a ser pintado...
    com sangue e dor...
    Nunca vai ser acabado...

    Quanto adoro teus versos!

    Maria luísa

    ResponderEliminar
  105. Tu não és tu...quem és afinal...
    diz-me...conversa comigo...não me esqueças...e desvenda teu mistério...pois eu e com pena minha...não posso desvendar a missão misteriosa...que me faz sempre...voltar.

    Maria Luísa

    p.s. este comments era e é, para os versos abaixo de nome :

    Eu...não sou eu


    Maria Luísa

    ResponderEliminar

Amigos são velas acesas ao fundo da escuridão
alumiando o caminhode volta...a presença doce e
serena numa noite de tempestade...são o abraço
suave da vida...palavras ditas muitas vezes em
silêncio aquecendo a alma e o coração.

Um beijinho carinhoso a todos que por aqui passam.
Sonhadora